Vestibular 2022 da Unicamp será mais fácil? Lista de livros obrigatórios foi reduzida!

O Vestibular 2022 da Unicamp conta com algumas novidades na sua lista obrigatória de livros. As obras literárias presentes em todas as edições dos vestibulares terão quatro substituições e à lista foi reduzida de 12 para 10 obras presentes.

Vestibular 2022 da Unicamp será mais fácil? Lista de livros obrigatórios foi reduzida!
Vestibular 2022 da Unicamp será mais fácil? Lista de livros obrigatórios foi reduzida! (Imagem: Reprodução Guia do Estudante)

Leituras obrigatórias Unicamp

A Universidade Estadual de Campinas (Unicamp) já começou as preparações para o seu vestibular 2022. A data da inscrição e prazo para isenção da taxa já foram divulgados e, agora a Comvest disponibilizou à lista de leitura obrigatória das obras literárias com algumas modificações.

À lista de leituras da Unicamp em todos os seus vestibulares totalizam 12 obras, no entanto, a partir de 2022 serão apenas 10 livros, além disso, quatro obras foram substituídas.

As obras excluídas foram: Cabra vadia, de Nelson Rodrigues, e Quarto de despejo, de Carolina Marina de Jesus.

As obras incluídas foram: Carta de Achamento do Brasil, de Pero Vaz de Caminha; Niketche – uma História de Poligamia, de Paulina Chiziane; Tarde, de Olavo Bilac e Bons dias, de Machado de Assis.

À lista de obras oficial da Unicamp ficou em:

  1. Carta de Achamento do Brasil, de Pero Vaz de Caminha (nova);
  2. Niketche – uma História de Poligamia, de Paulina Chiziane (nova);
  3. Tarde, de Olavo Bilac (nova);
  4. Bons dias, de Machado de Assis (nova);
  5. Sonetos selecionados de Luís de Camões;
  6. Sobrevivendo no inferno, de Racionais Mc’s;
  7. O seminário dos ratos, de Lygia Fagundes Telles;
  8. O marinheiro, de Fernando Pessoa;
  9. A falência, de Júlia Lopes de Almeida;
  10. O Ateneu, de Raul Pompeia.

Com à modificação o vestibular terá um maior número de gêneros literários e à diversidade estética e histórica. De acordo com a Comvest, as justificativas e critérios para essas mudanças foram:

“A representatividade dessas manifestações literárias nas práticas letradas e nas tradições culturais de língua portuguesa, o padrão de elaboração estética e a presença de núcleos temáticos adequados à formação pedagógica do aluno no ensino médio, na medida em que tais núcleos permitem abordagens interdisciplinares na área de humanidades.”

Unicamp

A Unicamp realiza seu vestibular anualmente com uma média de 75 mil candidatos.

A prova conta com duas fases. À primeira é composta por 90 questões de múltipla escolha dos temas de: Ciências Biológicas/Saúde, Ciências Exatas/Tecnológicas e Ciências Humanas/Artes.

Já os candidatos que passarem para à segunda fase terão que responder questões de dissertativas de conhecimentos gerais e específicos conforme o curso pretendido.

Você gostou deste conteúdo? AVALIE:

Avaliação média: 0
Total de Votos: 0

Vestibular 2022 da Unicamp será mais fácil? Lista de livros obrigatórios foi reduzida!

×
Deixe as notícias mais recentes encontrarem você

Você pode ficar a par das melhores notícias financeiras e atualizado dos seus direitos com apenas uma coisa: o seu email!

Mariana Castro
Mariana Castro é formada em Pedagogia pela Universidade Brás Cubas em Mogi das Cruzes - SP. Atualmente trabalha como professora na rede privada de ensino e dedica-se a sessão de carreiras do FDR, produzindo pautas sobre educação e emprego.
×

Este cartão de crédito sem anuidade está selecionando pessoas para receber possível limite agora!

VER AGORA