Como fica o rendimento da sua poupança com ALTA da Selic para 3,5% ao ano

Nesta quarta, 5, o Copom (Comitê de Política Monetária) elevou a taxa Selic para 3,50% ano, seguindo as projeções do mercado. Com esta nova alta, a caderneta de poupança passa a render um pouco mais, porém permanece perdendo para inflação.

Como fica o rendimento da sua poupança com ALTA da Selic para 3,5% ao ano
Como fica o rendimento da sua poupança com ALTA da Selic para 3,5% ao ano (Imagem: Mediamodifier/Pixabay)

Seguindo a nova alta, a rentabilidade da poupança passa a ser de 0,20% ao mês e 2,45% ao ano, de acordo com os cálculos da Anefac (Associação Nacional dos Executivos de Finanças Administração e Contabilidade). Antes da nova alta, o rendimento estava em 0,16% ao mês e de 1,93% ao ano.

Segundo a regra em vigor desde 2012, quando a taxa Selic fica abaixo de 8,5% a correção anual da caderneta de poupança é limitada a um percentual proporcional a 70% dos juros básicos acrescido da Taxa Referencial, que está zerada desde 2017.

Exemplo de aplicação de R$10 mil na poupança 

Confira como ficaria, de acordo com a Anefac, um rendimento de R$10 mil na poupança em um prazo de 12 meses:

  • Antes: rendimento era de R$ 193 (R$ 10.193 ou 1,93% ao ano)
  • Agora: rendimento passa a ser de R$ 245 (R$ 10.245 ou 2,45% ao ano)

Mas é importante ressaltar que os depósitos realizados até abril de 2012, na chamada “poupança velha”, continuam com rendimento de 0,50% ao mês e 6,17% ao ano, ou R$617 para cada R$10 mil aplicados.

Poupança X inflação 

No mês de março, segundo o Banco Central, os saques da poupança foram maiores que os depósitos em R$3,524 bilhões. A saída liquida de recursos na poupança no terceiro trimestre, somou R$27,541 bilhões, batendo um novo recorde histórico.

A poupança vem perdendo rentabilidade desde 2020. Em março, de acordo com o estudo da provedora de informações financeiras Economatica, o retorno em 12 meses, foi de -4,16%, já descontando a inflação medida pelo IPCA. Março marcou o sétimo mês seguido da poupança no vermelho.

No mês de abril, a prévia da inflação oficial (IPCA-15) registrou alta de 6,17% em 12 meses. 

Para 2021, os economistas do mercado financeiro projetam uma taxa de 5,04% para o IPCA. Já a Selic, tem uma previsão para o fim do

Paulo Amorim
Paulo Henrique Oliveira, formado em Jornalismo pela Universidade Mogi das Cruzes e em Rádio e TV pela Universidade Bandeirante de São Paulo, atua como do redator do portal FDR produzindo matérias sobre economia em geral e também como repórter do site Aparato do Entretenimento cobrindo o mundo da TV e das artes.