Detran-SP cria aplicativo para busca de peças de automóveis em sistema legal

Em busca de oportunidades de compra de peças de veículos mais baratas, os desmanches acabam chamando a atenção dos consumidores brasileiros ao vender mercadorias em boas com condições. Porém, é importante saber se o que está comprando é um produto lícito. Por conta disso, o Detran-SP elaborou um passo a passo para ajudar os compradores nesta missão.

Detran-SP cria aplicativo para busca de peças de automóveis em sistema legal
Detran-SP cria aplicativo para busca de peças de automóveis em sistema legal (Imagem: Gabriel Jabur/Agência Brasília)

Para começar é preciso verificar se o local onde deseja comprar a peça é credenciado. Este tipo de comércio é regulamentado no Estado de São Paulo através da Lei dos Desmanches, desde 2014. 

Esta legislação foi a base para a criação da lei federal nº 12.977/2015, que libera a comercialização das peças, com a condição de que elas tenham um selo gravado para a rastreabilidade de todas as etapas do processo de desmontagem.

Para que empresas possam atuar nesta área e participar de leilões onde constam veículos em fim de vida útil, a legislação determina que elas estejam credenciadas no Detran-SP, entre outras coisas. 

Através da internet é possível consultar a relação de centros de desmontagem veicular autorizados. 

Todas as peças que estiverem em condição de serem reaproveitadas podem retornar ao mercado, porém, elas precisam constar no sistema on-line do Detran acompanhadas de informações do veículo de origem e a numeração da nota fiscal de entrada.

Não são todos os tipos de peças que podem ser vendidas. Itens de segurança, por exemplo, como airbags, ABS e sistema de freios, são proibidos.

Utilizando o app do Detran-SP, o usuário precisa somente centralizar código no meio da tela de seu smartphone ou tablet para obter informações a respeito de cada peça. 

São mostradas informações como tipo, marca, modelo e o ano do veículo, além de revelar  qual a empresa responsável pelo desmonte e comercialização da peça. 

Nos casos em que há registros fotográficos do veículo, as imagens ficam disponíveis para visualização. No site do Detran-SP também é possível conferir a procedência das peças.

Quando o consumidor compra peças cadastradas nessas empresas, além da segurança de adquirir produtos de origem legal, ele ainda auxilia no combate ao comércio de produtos oriundos de furto ou roubo de veículos. 

Você gostou deste conteúdo? AVALIE:

Avaliação média: 0
Total de Votos: 0

Detran-SP cria aplicativo para busca de peças de automóveis em sistema legal

Paulo Amorim
Paulo Henrique Oliveira, formado em Jornalismo pela Universidade Mogi das Cruzes e em Rádio e TV pela Universidade Bandeirante de São Paulo, atua como do redator do portal FDR produzindo matérias sobre economia em geral e também como repórter do site Aparato do Entretenimento cobrindo o mundo da TV e das artes.
×

Este cartão de crédito sem anuidade está selecionando pessoas para receber possível limite agora!

VER AGORA