C6 Bank anuncia isenção da tarifa do PIX para clientes com ESTA conta

A PayGo, empresa de meios de pagamentos do C6 Bank, ampliou a isenção da tarifa nas transações com o sistema Pix para clientes pessoa jurídica. O prazo de isenção passou de três meses para dois anos para os clientes que recebem as vendas de produtos e serviços pela conta do C6 Bank.

C6 Bank anuncia isenção da tarifa do Pix para clientes com esta conta
C6 Bank anuncia isenção da tarifa do Pix para clientes com esta conta (Imagem: Divulgação)

Após este período de isenção, o varejista terá direito a 100 transações gratuitas por mês. A partir do 101º pagamento, cada transação terá um custo de R$ 0,15, de acordo com a C6 Bank. Atualmente, alguns bancos têm cobrado uma taxa de 1,2% a 2% do valor das vendas feitas com o sistema Pix.

Mesmo que os pagamento por Pix sejam gratuitos para pessoas físicas, o Banco Central (BC) autorizou que os bancos cobrassem taxas de pessoas jurídicas. Este valor varia conforme a instituição.

Os pagamentos realizados com Pix de pessoas para empresas têm apresentado avanço no Brasil. De acordo com o BC, o número de transações Pix de pessoas físicas para jurídicas aumentou 148% no primeiro trimestre deste ano. Isto representa uma alta de 14,1 milhões, em janeiro, para 35 milhões em março.

Quando se fala em Pix no âmbito da pessoa jurídica, o CEO da PayGo, Philippe Katz, afirma que ainda há muito espaço para crescimento.

Ele destaca que, enquanto 77% das operações de Pix acontecem entre pessoas, apenas 11% envolvem transferências de pessoas para empresas. Somente 3% são entre empresas.

Katz alega que a tendência é que o crescimento se acelere nos próximos meses. A empresa, que oferece a maquininha C6 Pay, possibilita o pagamento por Pix no equipamento desde novembro do ano passado.

A PayGo projeta ganhar espaço nos pagamentos com a nova tecnologia. Uma das estratégias para atrair empresas seria por meio da adoção de uma política de preços agressiva.

C6 Bank anuncia ferramenta de conciliação das transações

Além do anúncio sobre a isenção da tarifa do Pix para pessoas jurídicas, a companhia lançou uma ferramenta de conciliação das transações. Com isso, o empreendedor pode conferir o fluxo financeiro que chega via Pix e por cartões no portal do cliente. Esta novidade não possui custo adicional.

Gostou do conteúdo? Siga @fdrnoticias no Instagram e FDR.com.br no Facebook para ver as últimas notícias que impactam diretamente no seu bolso e nos seus direitos.

MAIS LIDAS

×

Deixe as notícias mais recentes encontrarem você

Você pode ficar a par das melhores notícias financeiras e atualizado dos seus direitos com apenas uma coisa: o seu email!

Silvio Souza
Silvio Suehiro Souza é formado em Comunicação Social - Jornalismo pela Universidade de Mogi das Cruzes (UMC). Desde 2019 dedica-se à redação do portal FDR, onde tem acumulado experiência e vasto conhecimento na área ligada a economia, finanças e investimentos. Além disso, Silvio produz análises sobre produtos e serviços financeiros, sempre prezando pela imparcialidade e informações confiáveis.