Três formas rápidas do trabalhador sacar o FGTS em 2021

O governo federal autorizou a liberação de novas modalidades de saque do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS), por meio da medida provisória 889/2019. Dentre esses, estão o saque imediato e o saque aniversário.

Três formas rápidas do trabalhador sacar o FGTS em 2021
Três formas rápidas do trabalhador sacar o FGTS em 2021 (Foto: FDR)

Uma outra medida autorizou o recebimento de contas ativas e inativas do fundo de garantia. Em 2019 e 2020. essa retirada ficou conhecida como saque emergencial. 

O FGTS é um fundo criado pelo governo federal, com a intenção de formar uma reserva de dinheiro para o trabalhador brasileiro.

Esse dinheiro é depositado mensalmente pela empresa em que o trabalhador está empregado e equivale a 8% do salário. Esse valor não pode ser descontado do trabalhador.

Recebem o benefício aqueles que são demitidos sem justa causa, por meio de conta ativa, do emprego atual ou inativa, de empregos anteriores.

Saque aniversário

O saque-aniversário é uma modalidade na qual os trabalhadores podem fazer uma retirada anual de uma parte do dinheiro que se encontra no fundo.

Aqueles que escolherem o saque-aniversário, perdem a possibilidade de saque do valor integral dos depósitos se for demitido. 

O que permanece é a multa rescisória de 40% sobre todos os valores depositados pelo último empregador para casos de desligamento sem justa causa.

Alíquotas

Todos os anos, o trabalhador terá a sua disposição o saque, pelo período de três meses, a partir do primeiro dia útil do mês do seu aniversário.

O valor anual para a retirada equivale a um percentual do saldo de cada trabalhador. Para contas com até R$ 500, serão liberados 50%. 

O percentual será reduzido quanto maior for o valor disponível, até 5%. Para as contas com mais de R$ 500, os saques ainda serão acrescidos de uma parcela fixa, de R$ 50 até R$ 2.900, dependendo do caso.

Limite das faixas de saldo (em R$) Alíquota Parcela Adicional (em R$)
Até 500,00 50,0%
De 500,01 até 1.000,00 40,0% 50,00
De 1.000,01 até 5.000,00 30,0% 150,00
De 5.000,01 até 10.000,00 20,0% 650,00
De 10000,01 até 15.000,00 15,0% 1150,00
De 15.000,01 até 20.000,00 10,0% 1.900,00
Acima de 20.000,01   5,0% 2.900,00

Saque emergencial

A ideia do saque emergencial foi a de liberar um dinheiro que pudesse movimentar a economia. A quantia máxima a ser recebida, tanto em 2019 quanto em 2020, foi equivalente ao salário mínimo.

A liberação do dinheiro aconteceu de acordo com o mês de nascimento dos interessados. Para 2021, há indícios de que uma nova liberação aconteça, mas por enquanto sem confirmação oficial. 

Saque imediato

O governo liberou o valor de R$500,00 por conta do FGTS, para os trabalhadores que podiam sacar esse valor entre os anos de 2019 e 2020, mas não há possibilidade dessa medida ser liberada neste ano.

MAIS LIDAS

×

Deixe as notícias mais recentes encontrarem você

Você pode ficar a par das melhores notícias financeiras e atualizado dos seus direitos com apenas uma coisa: o seu email!

Jheniffer Freitas
Jheniffer Aparecida Corrêa Freitas é formada em Jornalismo pela Universidade de Mogi das Cruzes. Atuou como assessora de imprensa da Secretaria de Segurança Pública do Estado de São Paulo e da Secretarial Estadual da Saúde de São Paulo. Há dois anos é redatora do portal FDR, onde acumula bastante experiência em produção de notícias sobre economia popular e finanças.