Nubank se compromete em abrir 2 MIL vagas de emprego visando ESTE público

O Nubank é um banco que quer construir uma equipe forte e diversa, por conta disso, anunciou mais uma medida para cumprir com o Compromisso de Diversidade. A meta é contratar ao menos 2 mil funcionários negros até o ano de 2025.

publicidade
Nubank assume compromisso em abrir 2 MIL vagas de emprego visando ESTE público
Nubank assume compromisso em abrir 2 MIL vagas de emprego visando ESTE público (Foto: Google)

O objetivo é que sejam contratadas pessoas para diversas funções na empresa. Por isso, ao menos 500 vagas serão destinadas ao time de engenharia, 150 para analistas de negócios e 250 para posições de gerentes de produto, designers e cientistas de dados.

Isso significa que a empresa vai aumentar de forma significativa a porcentagem de contratações anuais de pessoas que se declaram pardas ou pretas.

publicidade

Com relação ao ano de 2017, essas contratações representavam 19% das contratações do ano. Em 2020, esse número foi de 27% e a expectativa para este ano de 2021 é 30% e, para 2025, 37%.

Atualmente, 23% dos funcionários da empresa se autodeclaram pretos ou pardos, estes ocupam 18% dos cargos de gerência. 

Após esse anúncio de novas contratações, até 2025, o banco quer ter um ambiente de trabalho com pelo menos 30% de funcionários negros e ao menos 22% de representatividade em cargos de gerência. 

Compromisso de diversidade

O banco assumiu um compromisso público de criar um ambiente de trabalho com mais diversidade e inclusão.

Além disso, foram anunciadas uma série de medidas para retenção e desenvolvimento dos talentos negros em todos os seus níveis hierárquicos, assim como ações de contratação específicas para grupos sub representados na tecnologia e finanças.

Censo Organizacional Nubank

O censo é uma pesquisa feita pela empresa com os funcionários, no qual é feito um questionário com respostas auto-declaradas de forma anônima.

publicidade

O censo aponta que 41% dos funcionários do Nubank são mulheres e 26% se identificam com a comunidade LGBTQIA+.

Os cargos de gerência, a, 56% são ocupados por membros de grupos sub-representados na tecnologia e finanças (considerando raça, gênero, orientação sexual e pessoas com deficiência (PcD).

Clique aqui e aperte o botão "Seguir" para você ser o primeiro a receber as últimas informações sobre este assunto no seu celular!

Além disso, 81% dos funcionários sentem que suas opiniões importam e que são ouvidos no dia-a-dia da empresa e 76% disseram que sentem que podem se expressar de maneira independente e livre. 

publicidade

MAIS LIDAS

×

Deixe as notícias mais recentes encontrarem você

Você pode ficar a par das melhores notícias financeiras e atualizado dos seus direitos com apenas uma coisa: o seu email!

Jheniffer Freitas
Jheniffer Aparecida Corrêa Freitas é formada em Jornalismo pela Universidade de Mogi das Cruzes. Atuou como assessora de imprensa da Secretaria de Segurança Pública do Estado de São Paulo e da Secretarial Estadual da Saúde de São Paulo. Há dois anos é redatora do portal FDR, onde acumula bastante experiência em produção de notícias sobre economia popular e finanças.