Dicas para economizar e gastar MENOS na compra de itens da cesta básica

A cesta básica está cada vez mais cara e o salário mínimo tem sido insuficiente para realizar a compra de itens básicos e pagar outros serviços. Os alimentos tiveram um aumento em diversas capitais do país. Separamos algumas dicas para você gastar menos na hora de comprar os itens básicos da sua casa.

Dicas para economizar e gastar MENOS na compra de itens da cesta básica
Dicas para economizar e gastar MENOS na compra de itens da cesta básica (Foto: Google)

De acordo com os dados do Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos (Dieese), os brasileiros que ganham um salário mínimo, que hoje está no valor de R$1.100, gastaram mais da metade da sua renda com a cesta básica no mês de janeiro.

No mês, o preço da banana subiu 20% junto com outros itens que são básicos para a alimentação da população.

De 10 entre as 17 capitais pesquisadas o valor da cesta básica ultrapassou os R$550, ou seja, metade do salário mínimo.

Os itens que pesaram na conta foram batata, carne bovina, feijão, açúcar e banana.

A maior parte dos alimentos estão na entressafra ou em condições climáticas ruins, isso faz com que diminua a oferta e aumente os preços.

O preço mais caro da cesta foi encontrado em São Paulo, no qual o preço é de R$654,15.

Com isso, para manter as necessidades básicas o departamento calcula que o salário recebido deveria estar no valor de R$5.500.

Como economizar?

Com os preços subindo cada vez mais, algumas famílias precisam se organizar melhor as suas finanças para a realizar as compras.

  • Elabore uma planilha 

Coloque em uma planilha o quanto têm disponível para gastar. Anote todas as suas despesas como contas, gastos ocasionais e parcelas de todas as suas dívidas.

  • Faça pesquisas

A variação de preços entre um mercado e outro pode ser grande. No Recife, o Procon encontrou cerca de 400% de diferença nos valores dos itens que fazem parte da cesta básica, no mês de outubro.

Por isso, ir em alguns mercados e comparar os preços pode ser uma boa estratégia para economizar.

  • Veja se é possível cortar gastos

Avalie suas despesas e procure se é possível cortar algo, defina prioridades, assim será possível fazer algumas economias.

  • Procure saber se tem direito a algum auxílio

O governo oferece diversos programas sociais para ajudar os brasileiros que estão com dificuldade financeira. Esses benefícios vão de distribuição de renda até tarifas sociais em contas de consumo.

Jheniffer FreitasJheniffer Freitas
Jheniffer Aparecida Corrêa Freitas é formada em Jornalismo pela Universidade de Mogi das Cruzes. Atuou como assessora de imprensa da Secretaria de Segurança Pública do Estado de São Paulo e da Secretarial Estadual da Saúde de São Paulo. Atualmente, é redatora do portal FDR, produzindo pautas sobre economia popular e finanças.