Último dia para fazer inscrição no ENCCEJA 2020; confira no passo a passo

Terminam hoje, 25, as inscrições para o Encceja (Exame Nacional para Certificação de Competências de Jovens e Adultos) 2020. Os interessados tem até às 23h59 para se inscrever. Saiba mais.

Último dia para fazer inscrição no ENCCEJA 2020; confira no passo a passo
Último dia para fazer inscrição no ENCCEJA 2020; confira no passo a passo (Imagem Google)

A prova do Encceja é voltada para jovens e adultos que não terminaram os estudos na idade adequada para cada fase de ensino.

Os participantes devem ter no mínimo 15 anos completos para o ensino fundamental e 18 completos para o ensino médio, na data de aplicação do exame.

As provas estão marcadas para acontecer no dia 25 de abril em todo o Brasil. Todo o processo de inscrição é realizado na página do Encceja.

A participação na avaliação é gratuita e voluntária, com exceção para aqueles que se inscreveram na última edição e não compareceram aos locais de prova, não justificaram a ausência ou não tiveram a justificativa aprovada.

Nesse caso, o inscrito deverá ressarcir o INEP (Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira) o valor de R$ 40, através de GRU Cobrança, que poderá ser paga em qualquer banco, casa lotérica ou agência dos Correios até a próxima quarta, 27 de janeiro.

Após efetuar a inscrição, o inscrito deve fazer seu cadastro no Portal do Governo Federal para poder entrar na Página do Participante. Este cadastro é necessário para acompanhar o andamento da inscrição.

Encceja

A prova do Encceja é formada por quatro provas objetivas, por nível de ensino e cada uma contém 30 questões de múltipla escolha e uma proposta de redação.

Alta abstenção atingiu ultima edição do Encceja

Na última edição, mais da metade dos inscritos não compareceram e deixaram de fazer a prova. Em comparação com a edição de 2018, houve um aumento de 75% nas inscrições em 2019. Isto representa ceca de 2.973.375 inscrições.

As faltas equivalem a uma média de R$100 milhões de gastos públicos perdidos. As provas são impressas e jogadas fora. Alexandre ressalta então a importância do Encceja e pede que os inscritos tenham responsabilidade e compareçam aos locais de aplicação.

MAIS LIDAS

×

Deixe as notícias mais recentes encontrarem você

Você pode ficar a par das melhores notícias financeiras e atualizado dos seus direitos com apenas uma coisa: o seu email!

Paulo Amorim
Paulo Henrique Oliveira é formado em Jornalismo pela Universidade Mogi das Cruzes e em Rádio e TV pela Universidade Bandeirante de São Paulo. Atua como redator do portal FDR, onde já cumula vasta experiência e pesquisas, produzindo matérias sobre economia, finanças e investimentos.