C6 Bank amplia funcionamento da TAGGY em mais de 380 estacionamentos

O C6 Bank trocou no início deste ano, seu parceiro utilizado para a tag de pagamento automático para carros. Sai a Taggy e entra a Veloe. O anúncio da novidade foi feito na tarde da última terça-feira, 5. Esta mudança não mexe no preço do serviço para o correntista.

C6 Bank amplia funcionamento da TAG em mais de 380 estacionamentos
C6 Bank amplia funcionamento da TAGGY em mais de 380 estacionamentos (Imagem: Reprodução/Google)

A novidade não terá custo adicional, mas vai ampliar o uso do serviço em estacionamentos, que na versão anterior ficava limitada aos pedágios das estradas.

A tag de pagamentos automático para os carros já constava na cartela de produtos dos C6 Bank anteriormente, resultante de uma parceria do banco digital fundado por sócios do BTG Pactual em 2018 com a Taggy.

A parceria entre as empresas estremeceu no último mês do ano passado, o que levou a troca do fornecedor para este serviço.

Agora a parceira do C6 é a Veloe, unidade de negócios da Alelo, concorrente de outras empresas já estabelecidas neste segmento, como a Sem Parar, por exemplo. A novidade não muda a forma de contratação pelo correntista do C6 Bank, e nem a gratuidade que já era concedida com a Taggy.

A gratuidade que é concedida para clientes do C6 Bank é fruto de uma negociação entre as empresas, já que contratar o serviço diretamente no site da Veloe, tem o custo de R$9,90 por mês, podendo chegar a R$18,90, a depender do plano selecionado.

O C6 Bank diz que a tag da Veloe, administrada pelo banco, é aceita em mais de 380 estacionamentos espalhados por todo o Brasil. Neste numero estão inclusos os que existem em shoppings, nas ruas, aeroportos e outros centros comerciais.

A cobertura também foi ampliada nas praças de pedágio e agora tem a promessa de operar em 100% de todas as rodovias pedagiadas do país.

Clientes serão migrados aos poucos

O C6 diz que a Taggy permanecerá funcionando nas praças de pedágio das rodovias do Brasil por mais algum tempo para os correntistas que utilizam o serviço.

Por outro lado, segundo o banco, os correntistas podem solicitar a qualquer momento o novo dispositivo, através dos canais de atendimento.

Gostou do conteúdo? Siga @fdrnoticias no Instagram e FDR.com.br no Facebook para ver as últimas notícias que impactam diretamente no seu bolso e nos seus direitos.

MAIS LIDAS

×

Deixe as notícias mais recentes encontrarem você

Você pode ficar a par das melhores notícias financeiras e atualizado dos seus direitos com apenas uma coisa: o seu email!

Paulo Amorim
Paulo Henrique Oliveira é formado em Jornalismo pela Universidade Mogi das Cruzes e em Rádio e TV pela Universidade Bandeirante de São Paulo. Atua como redator do portal FDR, onde já cumula vasta experiência e pesquisas, produzindo matérias sobre economia, finanças e investimentos.