Empréstimo do Bolsa Família garante renda EXTRA para mais pobres; contrate já!

Segurados do Bolsa Família que estão vivenciando um período ainda maior de crise financeira podem solicitar uma linha de crédito. Você sabia que dentro do maior programa social do país há uma oportunidade de fazer empréstimo? Por meio do projeto Progredir, administrado pelo Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome é possível pedir até R$ 15 mil.

Empréstimo do Bolsa Família garante renda EXTRA para mais pobres; contrate já! (Imagem: Google)
Empréstimo do Bolsa Família garante renda EXTRA para mais pobres; contrate já! (Imagem: Google)

Mesmo funcionando já como um programa de renda, o Bolsa Família permite que seus segurados tenham acesso a parcelas extras caracterizadas como um empréstimo.

Normalmente o serviço é pouco divulgado, de modo que tenha um número de solicitações reduzido em comparação com a quantidade de segurados no projeto.

Quem pode solicitar o empréstimo do Bolsa Família?

A solicitação, assim como a aceitação no programa, se dá mediante um conjunto de normas que levam em consideração a faixa de renda e situação familiar dos segurados. Têm direito ao empréstimo aqueles que se incluam nos seguintes critérios:

  • Participação da(s) mulher(es) da casa nas ações do Ministério de Desenvolvimento Social e Combate à Fome para a saúde da mulher;
  • Ter renda familiar inferior a R$170,00;
  • Todas as crianças e adolescentes, de 6 a 17 anos, precisam estar matriculadas em uma escola.

Como solicitar o crédito?

Primeiro é preciso que o cidadão vá até uma agência da Caixa Econômica Federal e consulte se sua conta tem disponibilidade de liberação do depósito.

  • Primeiramente ir à uma agência da Caixa Econômica Federal e consultar se há liberação no seu nome; isso quer dizer, se você pode conseguir o empréstimo;
  • Depois é preciso que um agente da Caixa visite a casa do segurado para se certificar de sua situação de renda;
  • Na sequência, basta procurar por um fiador, que deve estar presente em todos os momentos do processo;
  • Após a visita do agente, em oito dias será feita uma análise do empréstimo, verificando toda a documentação do solicitante;
  • Se aprovado, o dinheiro é liberado pela Caixa e pode ser sacado imediatamente.

Taxas de juros

Como nas demais linhas de crédito, há também taxas de juros por meio do empréstimo do Bolsa Família. Nesse caso o governo leva em consideração os seguintes critérios:

  • Situação de renda;
  • Valor do empréstimo;
  • Quantidade de parcelas.

MAIS LIDAS

×

Deixe as notícias mais recentes encontrarem você

Você pode ficar a par das melhores notícias financeiras e atualizado dos seus direitos com apenas uma coisa: o seu email!

Eduarda Andrade
Maria Eduarda Andrade é mestranda em ciências da linguagem na Universidade Católica de Pernambuco, formada em Jornalismo pela mesma instituição. Enquanto pesquisadora, atua na área de políticas públicas, economia criativa e linguística, com foco na Análise Crítica do Discurso. No mercado de trabalho, passou por veículo impresso, sendo repórter do Diario de Pernambuco, além de assessorar marcas nacionais como Devassa, Heineken, Algar Telecom e o Grupo Pão de Açúcar. Atualmente, dedica-se à redação do portal FDR, onde já acumula anos de experiência e pesquisas sobre economia popular e direitos sociais.