Auxílio emergencial: Nascidos em junho podem SACAR ou transferir salário HOJE (24)!

Nesta terça-feira (24), os beneficiários do auxílio emergencial nascidos no mês de junho e que fazem parte do Ciclo 3 e 4, poderão sacar ou transferir o dinheiro depositado na conta Poupança Social Digital da Caixa Econômica Federal.

Auxílio emergencial: Nascidos em junho podem SACAR ou transferir salário HOJE (24)!
Auxílio emergencial: Nascidos em junho podem SACAR ou transferir salário HOJE (24)! (Imagem: Sérgio Lima/Poder360)

A Caixa Econômica Federal está pagando nesta terça-feira (24) mais uma parcela do auxílio emergencial nos valores de R$ 600 e R$ 300. Os pagamentos correspondem aos beneficiários que fazem parte do Ciclo 3 e 4.

O Ciclo 4 teve o valor depositado na Poupança Social Digital no dia 11 de novembro e os do Ciclo 3 no dia 14. É importante lembrar que com o dinheiro em conta é possível realizar compras e pagamentos através do Cartão de Débito Virtual disponibilizado no aplicativo Caixa Tem. Veja abaixo como usar o serviço:

Bolsa Família

Além desses beneficiários, a Caixa também está pagando, desde o dia 17 o auxílio emergencial para os beneficiários do Bolsa Família. Hoje (24), recebem os beneficiários que possuem o NIS (Número de Identificação Social) terminado em 6.

Os pagamentos seguem até a próxima segunda-feira (30) quando os beneficiários com o NIS terminado em 0 receberão. A Caixa também já disponibilizou o calendário de pagamento do mês de dezembro, sendo essa a última parcela paga do auxílio emergencial. Veja abaixo:

Auxílio emergencial: Nascidos em junho podem SACAR ou transferir salário HOJE (24)!
Auxílio emergencial: Nascidos em junho podem SACAR ou transferir salário HOJE (24)! (Imagem: Caixa)

Auxílio emergencial

O auxílio foi uma das medidas adotadas pelo governo De Bolsonaro (sem partido) para ajudar a população mais vulnerável a enfrentar a pandemia de Covid-19. A medida conta com o pagamento de cinco parcelas de R$ 600 e quatro de R$ 300.

As parcelas são pagas para beneficiários do Bolsa Família, MEIs, autônomos e desempregos, desde que tenham mais de 18 anos ou seja mãe adolescente, tenha uma renda familiar mensal de até três salários mínimos, não recebe benefício do INSS e que não tenha tido um rendimento tributável acima do teto de R$ 28.559.70 em 2018.

As novas parcelas, com o valor reduzido, foram anunciadas em setembro e são conhecidas como parcelas de extensão. Essas só serão pagas para os beneficiários do Bolsa que recebe menos que R$ 300 e para os aprovados entre abril e julho.

Apenas os beneficiários do Bolsa e os aprovados em abril terão direito de receber as quatro parcelas extensão pagas até dezembro. Veja abaixo as demais situações:

  • Uma parcela de R$ 300 aprovados em julho;
  • Duas parcelas de R$ 300 aprovados em junho;
  • Três parcelas de R$ 300 aprovados em maio.

MAIS LIDAS

×

Deixe as notícias mais recentes encontrarem você

Você pode ficar a par das melhores notícias financeiras e atualizado dos seus direitos com apenas uma coisa: o seu email!

Glaucia Alves
Gláucia Alves é formada em Letras-Inglês pela Universidade Federal Rural de Pernambuco (UFRPE). Atuou na área acadêmica durante 8 anos. Em 2020 começou a trabalhar como corretora de redação. Atualmente, trabalha na equipe do portal FDR, produzindo conteúdo sobre economia e direitos da população brasileira, onde já acumula anos de pesquisa e experiência. Além de realizar consultoria de redação on-line.