Como evitar cair em golpes na Black Friday? Compare preços do Magalu, Lojas Americanas e mais

Os preços baixíssimos ofertados no período de Black Friday atraem os consumidores. Porém, é neste momento que a atenção deve ser dobrada para não cair em golpes. Muitas lojas, por exemplo, dobram o valor das mercadorias para aplicar o desconto em cima e acabar cobrando o mesmo preço. Quem sai perdendo é o consumidor.

Como evitar cair em golpes na Black Friday? Compare preços do Magalu, Lojas Americanas e mais
Como evitar cair em golpes na Black Friday? Compare preços do Magalu, Lojas Americanas e mais (Imagem: Reprodução / Google)

Um levantamento realizado pelo Vigia do Preço mostra algumas lojas on-line que adotaram essa estratégia. Entre elas, a Asus, JBL e Multilaser. Plataformas de e-commerce, como Americanas, Magazine Luiza e Ricardo Eletro também foram pegas “no flagra”.

Os locais citados passaram por análise nos últimos 30 dias e entraram para um ranking que mostra as lojas que mais aumentaram ou baixaram preços nesses dias.

Segundo a pesquisa, foram monitorados mais de 125 milhões de produtos em mais de 1,5 mil e-commerces no país.

A lista mostra a proporção de produtos que aumentou no intervalo de 1% a 5%, de 5% a 15%, ou acima de 15%, que diminuiu de 1% a 10%, ou acima de 10% e que se manteve estável, variando entre -1% e 1%. O ranking pode ser consultado especificamente na plataforma criada para a Black Friday.

Segundo o Vigia do Preço, as lojas que tiverem mais produtos com altas variações no período de um mês foram:

Loja ou e-commerce Quantos produtos tiveram alta de preço acima de 15%? Quantos produtos tiveram queda de preço acima de 10%?
JBL 26,7% 1,6%
Asus 25,2% 0,0%
Multilaser 18,7% 6,5%
Ricardo Eletro 12,6% 1,8%
Magazine Luiza 12,4% 2,6%
Americanas 12,3% 4,1%
Kabum 12,1% 3,8%
Girafa 11,2% 3,0%
Casas Bahia 10,5% 3,2%
Fast Shop 5,7% 5,0%
Submarino 4,3% 1,0%
Amazon 4,2% 1,4%

Outro ranking, também do Vigia do Preço, mostra as lojas que tiverem mais produtos com variações entre -1% e 1% no período de um mês, que foram:

Loja ou e-commerce Quantos produtos aumentaram de preço? (mais que 1%) Quantos produtos baixaram de preço? (mais que 1%)
Asus 71% 7%
JBL 59% 2%
Americanas 41% 17%
Multilaser 38% 21%
Magazine Luiza 35% 26%
Ricardo Eletro 30% 15%
Amazon 30% 13%
Girafa 28% 19%
Kabum 28% 11%
Casas Bahia 22% 11%
Submarino 18% 4%
Fast Shop 17% 19%

Vale ressaltar que essas alterações drásticas nos preços se limitam ao mês de novembro, quando ocorre o período de Black Friday.

Já a partir da primeira semana de dezembro, em cenário natalino, os valores tendem a aumentar novamente.

Isabela VeríssimoIsabela Veríssimo
Isabela Veríssimo é jornalista formada pela Universidade Católica de Pernambuco (UNICAP) com passagens por redações, desde 2016, como o Diario de Pernambuco, Jornal do Commercio e Rede Globo. Atualmente dedica-se à redação de economia do portal FDR.