Black Friday: Pesquisas indicam os desejos de compra das classes C e D; TVs e eletrodomésticos são o foco

Pesquisas feita pela fintech Superdigital, do grupo Santander, com foco no público C e D, indicam que a intenção de consumo na Black Friday deste ano é 14 pontos percentuais maior do que o período do ano passado, quando a pesquisa indicava que apenas 68% dos consumidores dessas classes sociais pretendiam comprar.

Dentre os entrevistados, 35% pretendem adquirir TVs e eletrodomésticos durante a Black Friday deste ano    (Imagem: Reprodução/Google)
publicidade

Dentre as 1.339 pessoas entrevistadas entre os dias 4 e 8 de novembro, em todas as regiões do Brasil, a pesquisa apontou que 82% dos consumidores das classes C e D pretendem aproveitar as promoções da Black Friday em 2020.

Em relação aos valores que estão dispostos a gastar neste ano, 38% dos participantes pretendem desembolsar mais de R$ 1 mil. 29% disseram que irão gastar entre R$ 1 mil e R$ 500. 22% dos entrevistados pretendem gastar entre R$ 500 e R$ 200 e, por fim, 11% irão gastar até R$ 200 na data do próximo dia 27.

TVs e eletrodomésticos são o foco

Dentre os entrevistados, 35% pretendem adquirir TVs e eletrodomésticos, 25% tem a intenção de comprar smartphones, 16% querem gastar com vestuários e acessórios e 2% esperam por promoções em pacotes de viagens.

22% das pessoas responderam que devem comprar outros itens na data.

Segundo Luciana Godoy, presidente da Superdigital, as vendas neste ano devem superar facilmente as expectativas registradas no ano passado:

“Com a pandemia, muitas pessoas, com medo do futuro financeiro, da perda de emprego, adiaram as compras e devem aproveitar a data. Somado a este cenário, vemos que os brasileiros têm visto boas oportunidades na Black Friday e estão mais dispostos a gastar”, afirmou a executiva.

Loja online x Loja Física

A pesquisa indicou também que as compras pela internet têm tido cada vez mais destaque entre os consumidores, visto que metade dos entrevistados pretendem adquirir seus produtos através deste canal. 51% dos respondentes disseram que buscarão as promoções em lojas físicas, enquanto que 49% preferem acompanhar os descontos pela internet e comprar no conforto de suas casas.

Dentre todos os entrevistados, 35% informaram que irão utilizar o cartão de crédito para pagar suas compras durante a Black Friday.

Pesquisa de preço

O levantamento também mostrou que 83% dos consumidores das classes C e D irão pesquisar os preços dos produtos antes de comprar na Black Friday, afim de saber se estão mesmo diante de uma boa promoção.

AvatarGuilherme Moreira
Guilherme Moreira é formado em Criação e Produção Audiovisual pelo CBM (Centro Universitário Barão de Mauá). Atuou como roteirista, produtor e editor do SBT interior e na redação de blogs e sites informativos. Atualmente, trabalha como social media e redator do portal FDR. |  Instagram @guimemoreira