Bolsa Família: Quem pode receber? Qual valor do salário? Veja como fazer sua inscrição!

Pontos-chave
  • Conheça o programa social Bolsa Família;
  • Saiba como ter direito ao benefício;
  • Entenda como é calculado o valor do salário.

O Bolsa Família é um programa social criado durante o governo Lula. Hoje, ele continua trabalhando com complemento de renda, acesso a direitos e articulação com outras ações a fim de estimular o desenvolvimento das famílias. Regulamentado desde 2004, o programa atende famílias em situação de pobreza e extrema pobreza.

Bolsa Família: Quem pode receber? Qual valor do salário? Veja como fazer sua inscrição!
Bolsa Família: Quem pode receber? Qual valor do salário? Veja como fazer sua inscrição! (Imagem: Montagem / FDR)

Podem ter acesso ao programa todas as famílias com renda por pessoa de até R$ 89 mensais e famílias com renda por pessoa entre R$ 89,01 e R$ 178,00 mensais, desde que tenham crianças ou adolescentes de 0 a 17 anos na residência.

Como fazer o cadastro no Bolsa Família?

Para se cadastrar no programa é obrigatório que a família esteja inscrita no Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal, também conhecido com CadÚnico.

Na maioria dos casos, o cadastro é realizado nos Centros de Referência da Assistência Social (Cras) de cada município.

Os dados solicitados devem ser rotineiramente atualizados. Caso contrário, pode gerar a perda do benefício. Entre as informações que devem ser disponibilizadas para o governo federal, estão:

  • Nascimento ou morte de alguém na família;
  • Saída de um integrante para outra casa;
  • Mudança de endereço;
  • Entrada das crianças na escola ou transferência de escola;
  • Aumento ou diminuição da renda, entre outros.

Integrar o CadÚnico, porém, não garante a entrada no Bolsa Família. O núcleo deve ser aprovado pelo sistema de acordo com as informações disponíveis no cadastro.

“A concessão do benefício depende de quantas famílias já foram atendidas no município, em relação à estimativa de famílias pobres feita para essa localidade. Além disso, o governo federal precisa respeitar o limite orçamentário do programa”, explica o Ministério da Cidadania.

Se a família for aceita, ela receberá um cartão de saque emitido pela Caixa Econômica Federal, o Cartão Bolsa Família. O documento chega em casa através dos Correios.

Além do cartão, a família recebe um panfleto com explicações sobre como ativá-lo, o calendário de saques do Bolsa Família e informações adicionais.

Qual o valor do salário do Bolsa Família?

Ao contrário do que muitos pensam, não existe um valor fixo de salário do programa Bolsa Família.

“Depende de vários fatores, como o número de pessoas da família, a idade de cada um e condições como a gravidez, por exemplo. Depende também da renda por pessoa, que é soma da renda de todas as pessoas da família que têm algum tipo de ganho, dividida pelo número de pessoas da família”, explica o Ministério da Cidadania.

Esse cálculo é feito pelo sistema em que as informações ficam cadastradas: mais um motivo para tudo esteja sempre atualizado.

Segundo o Ministério da Cidadania, a média paga por família inscrita é de R$190 por mês. O mínimo é de R$89. 

Bolsa Família: Quem pode receber? Qual valor do salário? Veja como fazer sua inscrição!
Bolsa Família: Quem pode receber? Qual valor do salário? Veja como fazer sua inscrição! (Imagem: Montagem / FDR)

Como sacar o salário do Bolsa Família?

Como mencionado, ao integrar este programa social, as famílias recebem o Cartão Bolsa Família. É por meio dele que os beneficiários podem sacar o salário nos seguintes locais:

  • Agências da CAIXA;
  • Caixas eletrônicos da CAIXA;
  • Casas Lotéricas;
  • Comércios credenciados pela CAIXA, como padarias, mercados e outros. Esses locais são identificados com a marca “CAIXA AQUI”.

Independente da situação, o Ministério da Cidadania instrui que, no momento de sacar o benefício, o responsável tenha em mãos um documento oficial de identificação, que pode ser a carteira de identidade (RG), a carteira de motorista (CNH) ou a Carteira de Trabalho.

Em caso de problemas com o saque, o beneficiários deve entrar em contato com a Central de Relacionamento do Ministério da Cidadania (0800 707 2003) ou com a Ouvidoria da CAIXA (0800 725 7474).

Calendário de pagamento do Bolsa Família

O calendário de pagamento do Bolsa Família segue o último dígito do Número de Inscrição Social de cada família, do 1 ao 0.

“Cada benefício fica disponível para saque por 90 dias a partir da data prevista no calendário. O benefício de janeiro, por exemplo, pode ser sacado até o mês de abril”, explica o site da Cidadania.

Bolsa Família: Quem pode receber? Qual valor do salário? Veja como fazer sua inscrição!
Bolsa Família: Quem pode receber? Qual valor do salário? Veja como fazer sua inscrição! (Imagem: Ministério da Cidadania / Divulgação)

Isabela VeríssimoIsabela Veríssimo
Isabela Veríssimo é jornalista formada pela Universidade Católica de Pernambuco (UNICAP) com passagens por redações, desde 2016, como o Diario de Pernambuco, Jornal do Commercio e Rede Globo. Atualmente dedica-se à redação de economia do portal FDR.