CNH Social vira alvo de golpe na Paraíba, alerta Detran

Atenção paraibanos, há um novo golpe na praça. Nessa semana, o coordenador do Detran de Campina Grande, Wanderley Medeiros, informou que há quadrilhas espalhando links falsos solicitando a participação no programa CNH Social. De acordo com o órgão, os anúncios têm como finalidade roubar os dados dos interessados por aplicativos como o WhatsApp.

CNH Social vira alvo de golpe na Paraíba, alerta Detran (Imagem: Google)
CNH Social vira alvo de golpe na Paraíba, alerta Detran (Imagem: Google)

Se você mora na Paraíba e deseja participar o projeto CNH Social, fique atento. Há uma rede de mensagens sendo compartilhadas solicitando as inscrições no programa.

No entanto, o link enviado pelo whatsapp é falso e tem como finalidade aplicar golpes por meio do roubo de dados de identificação social.

Detran se pronuncia sobre o caso

Ao tomar ciência da quantidade de pessoas que estavam sendo afetados pela falsa notícia, o Detran informou que não há um canal de inscrição para o CNH Social nesse momento.

Em entrevista para uma emissora de rádio da região, o coordenador solicitou aos cidadãos que ignorassem as postagens e não se registrassem pelas plataformas.

Wanderley esclareceu ainda que nesse momento não há inscrições do CNH Social abertas para a região da Paraíba. Trata-se de uma ação criminosa onde os organizadores vêm se aproveitando da popularidade do projeto para aplicar golpes.

– Muita gente tem ligado para o Detran procurando saber sobre as inscrições para Habilitação Social, porque estão recebendo mensagens pelo WhatsApp e com link para fazer cadastro. Esta informação não procede. Se alguém está recebendo isso é tentativa de golpe, porque pessoas acessam link e preenchem dados. Não está aberta inscrição na Paraíba –  explicou.

Sobre a CNH social

O projeto é coordenado pelo Detran de cada estado e tem como finalidade permitir que os cidadãos de baixa renda possam tirar a carteira de habilitação de forma gratuita. Para participar é preciso obedecer aos critérios de renda com base no piso nacional.

Se aceito, o aluno passa a assistir todas as aulas teóricas e práticas ofertadas pelo Detran e ainda ganha o direito de fazer os exames médicos e de avaliação de direção sem precisar pagar pelas taxas.

O período de inscrição e quantidade de vagas varia de acordo com os governos estaduais.

MAIS LIDAS

×

Deixe as notícias mais recentes encontrarem você

Você pode ficar a par das melhores notícias financeiras e atualizado dos seus direitos com apenas uma coisa: o seu email!

Eduarda Andrade
Maria Eduarda Andrade é mestranda em ciências da linguagem na Universidade Católica de Pernambuco, formada em Jornalismo pela mesma instituição. Enquanto pesquisadora, atua na área de políticas públicas, economia criativa e linguística, com foco na Análise Crítica do Discurso. No mercado de trabalho, passou por veículo impresso, sendo repórter do Diario de Pernambuco, além de assessorar marcas nacionais como Devassa, Heineken, Algar Telecom e o Grupo Pão de Açúcar. Atualmente, dedica-se à redação do portal FDR, onde já acumula anos de experiência e pesquisas sobre economia popular e direitos sociais.