Tesouro Direto: Em meio à eleição dos EUA, taxas dos títulos públicos operam sem rumo certo

Pela manhã desta quarta-feira (4), as taxas do Tesouro Direto operam sem direção única, em comparação ao dia anterior. As incertezas no meio político com a apuração dos votos para o novo presidente dos Estados Unidos refletem na instabilidade dos resultados aos investidores.

Tesouro Direto:, Taxas dos Tesouro Direto operam sem rumo certo, em meio à eleição dos EUA
Tesouro Direto:, Taxas dos Tesouro Direto operam sem rumo certo, em meio à eleição dos EUA (Imagem: cottonbro/Pexels)

Conforme indicado pela última atualização do Tesouro Direto no início das operações, O Tesouro Prefixado com vencimento em 2023 pagava um prêmio anual de 5,29%. No dia anterior, o número era um pouco superior, de 5,30%.

Com relação ao valor pago para o título com prazo prefixado para 2026, a rentabilidade atual foi de 7,48%. A variação segue próxima da estabilidade, mas com leve recuo na comparação com ontem, quando teve a porcentagem de 7,51%.

Outros títulos

O Tesouro Selic com vencimento em 2025 ofereceu um pagamento anual de 0,1906%. O investimento mínimo indicado pelo Tesouro Direto foi de R$ 106,40, com preço unitário de R$ 10.640,85.

Já sobre os títulos indexados à inflação, o Título IPCA+ com vencimento em 2026 indicou a pagamento de uma taxa anual de 2,96%. Para o vencimento em 2035, a porcentagem foi de 4,13%. O valor a ser pago em 2025 foi o mesmo do último ano citado, de 4,13%.

O Tesouro IPCA+ com juros semestrais em 2030 ofereceu pagamento anual de 3,46%. Para 2040, o valor foi de 4,08%. Por último o Tesouro IPCA+ com juros semestrais com vencimento em 2055 indicou pagamento de 4,28%.

Eleições nos Estados Unidos

A apuração dos votos segue em funcionamento durante a tarde de hoje. Até às 15h38, o candidato Joe Biden vence parcialmente o atual presidente Donald Trump. O democrata está à frente com 238 votos eleitorais contra 214 do republicano. Para ser eleito, serão necessários 270 votos.

Entre os estados em que a apuração segue nas urnas, Trump vence parcialmente na Carolina do Norte (15 votos eleitorais), Geórgia (16 votos) e Pensílvânia (20 votos).

Pelo lado de Biden, o candidato segue vencendo em Michigan (16 votos), Nevada (6 votos) e Wisconsin (10 votos). O resultado final ainda segue sem prazo definido para apontar o futuro presidente dos Estados Unidos.

MAIS LIDAS

×

Deixe as notícias mais recentes encontrarem você

Você pode ficar a par das melhores notícias financeiras e atualizado dos seus direitos com apenas uma coisa: o seu email!

Silvio Souza
Silvio Suehiro Souza é formado em Comunicação Social - Jornalismo pela Universidade de Mogi das Cruzes (UMC). Possui experiência em produção textual e, atualmente, dedica-se à redação do FDR produzindo conteúdo sobre economia.
×

Este cartão de crédito sem anuidade está selecionando pessoas para receber possível limite agora!

VER AGORA