Estuda em colégio militar? Entenda como funcionará retorno das aulas presenciais

O Exercito Brasileiro anunciou o retorno às atividades presencias do colégio militar. Até então, as aulas já haviam voltado apenas em três unidades em todo o país: Belém, Manaus e Rio de Janeiro.

Estuda em colégio militar? Entenda como funcionará retorno das aulas presenciais
Estuda em colégio militar? Entenda como funcionará retorno das aulas presenciais. (Imagem/Reprodução Google)

Com esse retorno aqueles alunos que fazem parte do grupo de risco ou que tiveram parentes acometidos pela doença, não deverão frequentar as aulas. Mas, precisarão apresentar documentos que comprovem, caso contrário levarão falta.

Retorno Ordenado

As aulas não acontecerão ao mesmo tempo para todas as turmas, pois, por exemplo, só em Belo Horizonte são 620 alunos matriculados no CPM.

Assim, os alunos do ensino médio terão aulas nas segundas, quartas e sextas-feiras. Enquanto que os do oitavo e nono ano irão à escola nas terças e quinta. Essa medida foi tomada para evitar aglomerações dentro do espaço escolar.

Medidas de segurança

Tanto alunos quanto funcionários, precisarão seguir algumas regras para que haja um bom seguimento das aulas no colégio militar.

  • Uso obrigatório de máscara.
  • Manutenção da higiene pessoal.
  • Uso do álcool em gel a 70%.
  • A cantina não deverá funcionar.
  • As aulas de educação física estão suspensas, bem como a banda e as atividades extracurriculares.
  • Caso o estudante não possa frequentar às aulas por fazer parte do grupo de risco ou ter apresentado caso confirmado da doença na família, ele precisará comprovar sua situação para não levar falta.

Os responsáveis pelo colégio afirmam que essas medidas são inicias e que após a primeira semana a situação será reavaliada.

Retorno das aulas no Brasil

Em todo o Brasil são 14 unidades do Colégio Militar. Esses 14, as unidades de Belém, Manaus e Rio de Janeiro já retomaram as atividades. Agora, a expectativa é que os demais retornem a partir do dia 21 de setembro.

O comunicado apresentado pelo Exército, responsável pelo complexo, sobre o retorno das aulas assegura à comunidade que todas essas 14 unidades estão preparadas e devem seguir as orientações gerais.

Na entrada dos Colégios Militares, há postos de triagem, onde estão disponibilizados álcool em gel e/ou borrifador de álcool líquido, para higienização das mãos e de objetos; há, também, equipamentos para a aferição de temperatura. As salas de aula foram adequadas para atender às normas de sanitização, e os alunos estão sendo conscientizados para o cumprimento dos procedimentos de higienização e afastamento, como já ocorre nos Colégios Militares de Manaus, Belém e Rio de Janeiro.

As instalações estão desinfectadas e são organizadas de forma que mantenham a distância mínima de 1,5 metros entre as pessoas. As portas e janelas das salas de aula permanecerão abertas durante o seu uso, possibilitando a ventilação e a circulação de ar“, disse o Exército no comunicado.

MAIS LIDAS

×

Deixe as notícias mais recentes encontrarem você

Você pode ficar a par das melhores notícias financeiras e atualizado dos seus direitos com apenas uma coisa: o seu email!

Jamille Novaes
Jamille Pereira Novaes é graduada em Letras Vernáculas pela Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia (UESB), pós-graduada em Gestão da Educação pelo Centro Universitário Maurício de Nassau (UNINASSAU). Como professora de Língua Portuguesa, já atuou no ensino fundamental I e II. Atualmente, trabalha como professora de Língua Portuguesa no ensino técnico e redatora da editoria de carreiras do portal FDR. Jamille utiliza sua experiência na área da educação para cobrir notícias sobre cursos, vestibulares, empregos e concursos.