O salário mínimo vai passar de R$ 1.045 para R$ 1.067, em 2021, segundo o projeto do Orçamento de 2021 que está no congresso. A queda da inflação fez com que houvesse redução no reajuste para o próximo ano, que, em abril, falava em aumento para R$ 1.075. Vale ressaltar que esses valores ainda podem passar por revisão a depender da evolução dos parâmetros econômicos.

publicidade
Salário mínimo 2021 já tem valor CONFIRMADO; saiba quanto vai receber!
Salário mínimo 2021 já tem valor CONFIRMADO; saiba quanto vai receber! (Foto: Reprodução/Google)
publicidade

De acordo com o Ministério da Economia, a queda da inflação por consequência da retratação da atividade econômica tem impacto direto no reajuste do mínimo, uma vez que o Índice Nacional de Preços ao Consumidor (INPC) é levado em conta para tal reajuste.

Enquanto, em abril, estimava-se que o INPC encerraria 2020 em 3,19%, no projeto do Orçamento, mais atualizado, a estimativa foi reduzida para 2,09%.

Fim do cálculo do salário mínimo pelo PIB

Até 2019, o cálculo do salário mínimo era embasado na correção do INPC do ano anterior somado a variação do Produto Interno Bruto (PIB) de dois anos também passados.

Atualmente, o cálculo é feito apenas com base do INPC, considerando o princípio da Constituição de preservação do poder de compra do mínimo.

No caso de aprovação, o novo salário mínimo passa a valer em janeiro de 2021, mas o pagamento só é iniciado em fevereiro, como de praxe. Este será o segundo ano consecutivo em que o piso não terá um aumento real.

Também entra nessa conta o teto de gastos do governo para 2021, que será de R$ 1,485 trilhão. O valor é baseado no teto deste ano, corrigido pela inflação nos 12 meses que foram encerrados em junho.

Avanço do salário mínimo nos últimos 10 anos

  • Em 2010, o salário era de R$ 510, um reajuste de 9,67% em comparação a 2009;
  • Em 2011, o salário era de R$ 545, um reajuste de 5,88% em comparação a 2010;
  • Em 2012, o salário era de R$ 622, um reajuste de 14,13% em comparação a 2011;
  • Em 2013, o salário era de R$ 678, um reajuste de 9% em comparação a 2012;
  • Em 2014, o salário era de R$ 724, um reajuste de 6,78% em comparação a 2013;
  • Em 2015, o salário era de R$ 788, um reajuste de 8,80% em comparação a 2014;
  • Em 2016, o salário era de R$ 880, um reajuste de 11,67% em comparação a 2015;
  • Em 2017, o salário era de R$ 937, um reajuste de 6,74% em comparação a 2016;
  • Em 2018, o salário era de R$ 954, um reajuste de 1,81% em comparação a 2017;
  • Em 2019, o salário era de R$ 998, um reajuste de 4,61% em comparação a 2018.

Isabela Veríssimo é jornalista formada pela Universidade Católica de Pernambuco (UNICAP) com passagens por redações, desde 2016, como o Diario de Pernambuco, Jornal do Commercio e Rede Globo. Atualmente dedica-se à redação de economia do portal FDR.