Nubank muda promoção para acúmulo de pontos no cartão

A Nubank encerrou na semana passada uma ação “promocional” do Rewards, um programa de pontos do cartão de crédito. Agora os consumidores precisam gastar mais pontos para “retirar” valores da sua fatura Nubank. Saiba mais.

Nubank muda promoção para acúmulo de pontos no cartão
Nubank muda promoção para acúmulo de pontos no cartão (Imagem Google)

O programa trabalha assim: a cada R$1 real gasto no cartão de crédito, o usuário acumula um ponto. Esses pontos são usados para “retirar” determinados gastos da fatura do cartão de crédito, seja em compras de empresas parceiras ou em categorias como supermercados, farmácias ou restaurantes.

Porém, desde o mês de maio, a fintech determinou uma taxa de conversão de 80 pontos para retirar R$1 em gastos determinados, como as farmácias e supermercados.

Isto significa que se o usuário acumulasse 80 pontos (gastando R$80 no cartão) poderia retirar R$1 das compras destas categorias.

Com o fim da ação promocional, a taxa de conversão subiu para 100 pontos, ou seja, para retirar R$1, o cliente precisa gastar R$100 no cartão.

A Nubank explicou que esta foi uma ação promocional momentânea, criada para “acompanhar os novos hábitos de consumo surgidos em razão da pandemia do coronavírus” e “contribuir para que os clientes ficassem em casa” (entendemos com isso o porque destas categorias como mercados e farmácias).

“Sempre deixamos claro que a oferta do Rewards era temporária e foi criada para ajudar nossos clientes durante a pandemia. Com o fim da oferta, a regra de conversão volta ao normal e manteremos as novas categorias de forma permanente”, explicou.

O Rewards é um serviço que o cliente pode optar se quer ou não utilizá-lo. Mas, para aderir, é preciso que o cliente desembolse uma quantia. Existe a opção de mensalidade de R$ 19/mês ou uma cobrança anual de R$ 190.

Através do aplicativo, o cliente confere o acúmulo de pontos, que podem ser utilizados a qualquer momento para apagar contas tanto da fatura atual quanto de anteriores.

A Nubank afirma que mesmo que a promoção tenha acabado, categorias de compras que ainda não faziam parte do Rewards permaneceram, caso de supermercados, farmácia, delivery e comida e serviços de streaming.

MAIS LIDAS

×

Deixe as notícias mais recentes encontrarem você

Você pode ficar a par das melhores notícias financeiras e atualizado dos seus direitos com apenas uma coisa: o seu email!

Paulo Amorim
Paulo Henrique Oliveira é formado em Jornalismo pela Universidade Mogi das Cruzes e em Rádio e TV pela Universidade Bandeirante de São Paulo. Atua como redator do portal FDR, onde já cumula vasta experiência e pesquisas, produzindo matérias sobre economia, finanças e investimentos.