Qual valor do seguro desemprego 2020? Aprenda a calcular!

O seguro desemprego é direito de todo trabalhador que foi despedido sem justa causa, e pode ser solicitado no site do Governo Federal ou no aplicativo “Carteira de Trabalho Digital”. O benefício pode ser pago em três, quatro ou cinco parcelas.

Qual valor do seguro desemprego 2020? Aprenda a calcular!
Qual valor do seguro desemprego 2020? Aprenda a calcular! (Imagem: Montagem/FDR)

Diante de uma crise social e econômica como o mundo está vivendo é mais do que importante conhecer e buscar por seus direitos.

Por isso, os trabalhadores que foram demitidos sem a apresentação de uma justa causa podem solicitar o seguro desemprego. A solicitação do benefício deve ser feita até 120 dias após a demissão.

Por causa da pandemia de Covid-19 a Previdência Social disponibilizou a solicitação do serviço de forma remota, com o intuito de ajudar a população durante o período de isolamento social. A solicitação pode ser feita no site do Governo Federal ou no aplicativo Carteira de Trabalho Digital.

De acordo com a Caixa Econômica Federal, órgão responsável pelo pagamento do seguro desemprego, tal benefício é uma ajuda financeira de período temporário e definido para o trabalhador que se encontra desempregado.

A duração do recebimento varia de três a cinco meses, de maneira contínua ou alternada, de acordo com o tempo de serviço. O valor pode variar de R$ 1.045,00 a R$ 1.813,00 de acordo com o que era recebido.

Veja abaixo a tabela disponibilizada pelo Ministério da Economia que mostra a forma de cálculo do seguro desemprego.

O primeiro passo é tirar a média dos últimos três salários registrados em carteira, com o resultado é possível descobrir o quanto será pago.

Faixa de salário médio Forma de cálculo
Até R$ 1.599,61 Multiplica-se o salário médio por 0,8 (80%)
De R$ 1.599,62 até R$ 2.666,29 Multiplica-se por 0,5 (50%) e soma-se a R$ 1.279,69
Acima de R$ 2.666,29 O valor da parcela será de R$ 1.813,03

Quem tem direito de receber o seguro desemprego

Recebe o seguro desemprego o trabalhador que foi demitido sem justa causa no trabalho formal ou doméstico.

Além disso, os pescadores profissionais que estão passando pelo período do defeso, ou seja, entre os meses de novembro e fevereiro, também são contemplados.

Outro grupo que tem direito de receber o benefício são os trabalhadores formais que tiveram o contrato suspenso por causa de participação em curso de qualificação profissional oferecido pela empresa, e os trabalhadores que foram resgatados de serviços semelhantes à escravidão.

MAIS LIDAS

×

Deixe as notícias mais recentes encontrarem você

Você pode ficar a par das melhores notícias financeiras e atualizado dos seus direitos com apenas uma coisa: o seu email!

Glaucia Alves
Gláucia Alves, formada em Letras-Inglês pela Universidade Federal Rural de Pernambuco (UFRPE). Foi professora por 8 anos. Em 2020 começou a trabalhar como corretora de redação. Atualmente, trabalha na equipe do portal FDR, produzindo conteúdo sobre economia e direitos da população brasileira, além de realizar consultoria de redação on-line.
×

Este cartão de crédito sem anuidade está selecionando pessoas para receber possível limite agora!

VER AGORA