PIX vai substituir as transferências por TED e DOC? Entenda!

No universo bancário há diversas formas de lidar com o seu dinheiro. Podendo transferir a quantia para outra instituição bancária. Para diminuir a burocracia nesse processo,o Banco Centro lançou uma novidade neste ano, o PIX.

PIX vai substituir as transferências por TED e DOC? Entenda! (Reprodução/Internet)
PIX vai substituir as transferências por TED e DOC? Entenda! (Reprodução/Internet)

Os que conhecem o universo financeiro já deve ter ouvido falar na nomenclatura, que foi divulgada em fevereiro pelo Banco Central. O novo método de pagamento é bem parecido com os TED e DOC, mas há alguns pontos de atenção.

Por serem considerados “irmãos” no quesito de transferência, há algumas especificidades únicas entre eles. Segundo o BC, o PIX será um novo meio que tornará mais barata as transferências já conhecidas.

Isto porque, o pagamento de contas e até recolhimento de impostos e taxas de serviços, entre outras possibilidades, terá um custo mais reduzido. O grande ganho em detrimento aos demais é a rapidez.

É importante lembrar que atualmente os TED e DOC só ficam disponíveis para serem realizados em dias específicos. Sendo assim, os interessados em transferir valores devem esperar o dia e hora para realizar o procedimento.

Com o PIX, não haverá restrições de horários entre as transações. Além disto, o usuário poderá enviar quantas vezes quiser o valor, sem se preocupar. Outro ponto importante é que o pagamento de contas também será feito em tempo real.

Segundo dados do Banco Central, a nova funcionalidade estará disponível oficialmente no dia 3 de novembro em todos os bancos e fintechs. Com isto, mais de 500 mil contas ativas deverão se adequar, até esta data, para oferecer e receber o serviço.

A funcionalidade não irá substituir as demais, porém surge como uma opção ao cliente na hora de realizar os procedimentos bancários.

O processo de adequação chega ao fim no dia 16 de novembro. Outro benefício do uso da plataforma é que os pagamentos são instantâneos, isto é, as quantias caem na hora mesmo sendo de banco diferentes.

As transação do Pix poderão ser feitas sob as seguintes possibilidades, segundo o Banco Central:

  • Entre pessoas;
  • Entre pessoas e estabelecimentos comerciais;
  • Entre estabelecimentos;
  • Para entes governamentais, no caso de impostos e taxas.

Por outro lado, os TED são creditados na conta de destino até as 17 horas do mesmo dia. Já com o DOC, dinheiro cai na conta de destino no dia seguinte, mas pode levar mais de um dia útil caso a transferência seja feita após as 22h.

MAIS LIDAS

×

Deixe as notícias mais recentes encontrarem você

Você pode ficar a par das melhores notícias financeiras e atualizado dos seus direitos com apenas uma coisa: o seu email!

REDAÇÃO
Cobertura e repercussão de assuntos que impactam o bolso de todos os brasileiros. A redação do FDR.com.br traz diariamente assuntos relevantes de uma forma descomplicada e confiável.