Greve dos entregadores pode ter 2ª paralisação hoje (14) em todo Brasil!

Nesta terça-feira (14), foi convocada uma greve dos entregadores de aplicativo, como Uber Eats, iFood e Rappi. O pedido foi feito pelo Sindicato dos Motoboys de São Paulo (Sindimoto) e a União Geral dos Trabalhadores (UGT).

publicidade
Greve dos entregadores pode ter 2ª paralisação hoje (14) em todo Brasil!
Greve dos entregadores pode ter 2ª paralisação hoje (14) em todo Brasil! (Foto: Google)

Essa é a segunda paralisação da categoria em menos de 15 dias. Desta vez, o movimento não terá as lideranças difusas do “Breque dos Apps”, que foi a paralisação que reuniu, em 1º de julho, milhares de trabalhadores de várias partes do País.

A paralisação deve começar às 9 da manhã, em frente ao Sindimoto, no Brooklin, zona sul da capital paulista.

publicidade

Ao meio-dia, os motoboys devem seguir para a Câmara Municipal, local em que vão se manifestar contra o projeto de lei 130/2019, que é de autoria do vereador Camilo Cristófaro (PSB).

Neste projeto, é regulamentado o motofrete, o microempreendedor individual e os aplicativos.

Depois lá para umas 16 horas, os entregadores vão se concentrar no TRT, que fica na Rua da Consolação.

O protesto tem motivos semelhante à do anterior. Nas reivindicações a categoria deseja que tenha a definição de uma tabela mínima de cobrança pelo serviço, e o aumento do percentual repassado aos motoboys pelas entregas. 

Além disso, eles querem que sejam fornecidos os EPI´s para a sanitização e contratação de seguros de vida, contra acidente, roubo, furto de moto e uma licença remunerada para aqueles que foram contaminados pelo Covid-19, no exercício da função.

Foi incluído também por sindicalistas o tema de reconhecimento de vínculo trabalhista, que já resultou em sentenças desfavoráveis em segunda instância aos entregadores.

publicidade

Esse vínculo trabalhista também não é de comum acordo entre os motoboys e explica uma terceira paralisação que está agendada para o próximo dia 25. Esse novo movimento, foi convocado por líderes como Paulo Lima, dos Entregadores Antifascistas, e Diógenes Souza, que lidera os grupos de WhatsApp em São Paulo.

Amanhã será realizada a primeira reunião de conciliação entre entregadores e empresas de aplicativo no Tribunal Regional do Trabalho (TRT) da 2.ª Região, em São Paulo. Essa conciliação será realizada por meio de audiência virtual.

Na segunda-feira (13), o iFood pediu para que o encontro fosse adiado, alegando falta de tempo de preparação da argumentação dos apps. Apesar disso, o TRT não se pronunciou sobre o pedido.

publicidade

MAIS LIDAS

×

Deixe as notícias mais recentes encontrarem você

Você pode ficar a par das melhores notícias financeiras e atualizado dos seus direitos com apenas uma coisa: o seu email!

Jheniffer Freitas
Jheniffer Aparecida Corrêa Freitas é formada em Jornalismo pela Universidade de Mogi das Cruzes. Atuou como assessora de imprensa da Secretaria de Segurança Pública do Estado de São Paulo e da Secretarial Estadual da Saúde de São Paulo. Há dois anos é redatora do portal FDR, onde acumula bastante experiência em produção de notícias sobre economia popular e finanças.