Urgente! Usuários relatam sumiço do auxílio emergencial após transferência para o PicPay

Para não precisar esperar a liberação dos saques em espécie e transferências dos valores do auxilio emergencial do governo, os beneficiários encontram nas carteiras digitais, uma forma de ter acesso ao dinheiro de forma mais rápida. Porém, ontem (7) vários usuários relataram que ao transferir o dinheiro do auxilio para o PicPay, o valor “sumiu” na operação.

Urgente! Usuários relatam sumiço do auxílio emergencial após transferência para o PicPay
Urgente! Usuários relatam sumiço do auxílio emergencial após transferência para o PicPay (Imagem Google)

Com a hashtag na rede social Twitter #PicPayDevolveMeuDinheiro, os usuários da plataforma escreveram sobre o que estava acontecendo

Ao ser questionada sobre os erros, a Caixa Econômica disse que a maior parte dos problemas detectados nas operações para os bancos digitais já estão resolvidos e os créditos já constam em conta.

O banco segue e diz que os casos mais específicos e que envolvem as plataformas da Caixa vão ser solucionados ao longo da semana.

“É importante ressaltar que nessas operações também podem acontecer inconsistências nas plataformas das fintechs. Esses casos devem ser apurados individualmente junto às instituições.”, afirmaram.

O que diz o PicPay

O PicPay também foi procurado e informou que desde o começo dos pagamentos do auxilio emergencial, cerca de 2,9 milhões de usuários realizaram a transferência do valor com a ajuda para a fintech.

“Por instabilidade do sistema do Caixa Tem, um pequeno percentual das transações entre o aplicativos e o PicPay não é concluído. Nesses casos, o usuário deve fazer nova tentativa. Se a Caixa tiver debitado o valor utilizado para a transferência, o estorno deverá ser realizado pelo próprio banco.” informou o Picpay.

Antecipação no Mercado Pago, PicPay e PagSeguro

Nas plataformas como Mercado Pago, PicPay entre outras é possível gerar o boleto e pagá-lo através do Caixa Tem, ou efetuar o pagamento através do cartão virtual criado dentro do app da Caixa.

Nesta transferência, o usuário deve usar o comando de “Adicionar dinheiro” ou “Cobrar” nos aplicativos de carteira digital. Automaticamente eles vão pedir os dados do cartão que será debitado, e o valor.

Escolha a quantia da operação, e informe os dados do cartão virtual gerado no Caixa TEM. O código de segurança é atualizado a cada nova operação por segurança.

MAIS LIDAS

×

Deixe as notícias mais recentes encontrarem você

Você pode ficar a par das melhores notícias financeiras e atualizado dos seus direitos com apenas uma coisa: o seu email!

Paulo Amorim
Paulo Henrique Oliveira é formado em Jornalismo pela Universidade Mogi das Cruzes e em Rádio e TV pela Universidade Bandeirante de São Paulo. Atua como redator do portal FDR, onde já cumula vasta experiência e pesquisas, produzindo matérias sobre economia, finanças e investimentos.