Auxílio emergencial foi pago indevidamente? Veja como devolver as parcelas!

Os beneficiários que receberam o auxílio emergencial de forma indevida precisarão fazer a devolução do dinheiro. Para ensinar como efetuar a devolução, o Ministério da Cidadania criou uma página na internet onde aparecem as instruções de como fazer.

Auxílio emergencial foi pago indevidamente? Veja como devolver as parcelas!
Auxílio emergencial foi pago indevidamente? Veja como devolver as parcelas! (Montagem/ FDR)

Veja abaixo o que fazer para devolver o valor:

  1. Após acessar o site, o usuário deve informar o CPF que irá efetuar a devolução;
  2. Em seguida, deve selecionar a opção de pagamento da GRU – “Banco do Brasil” ou “qualquer banco”;
  3. Caso o pagamento seja realizado por meio do Banco do Brasil, basta clicar na opção “Não sou um robô” e clicar no botão “Emitir GRU”;
  4. Caso seja efetuado por qualquer outro banco, o usuário precisará informar o endereço do beneficiário, conforme informações que serão pedidas após selecionar “Em qualquer Banco”, marcar a opção “Não sou um robô” e clicar no botão “Emitir GRU”;
  5. Esse documento é o necessário para a devolução do dinheiro recebido indevidamente. Com ele em mãos, o usuário pode efetuar o pagamento de diversas formas: seja pelo internet banking de seu respectivo banco, pelos caixas eletrônicos, caixas 24 horas, etc.

O site que permite esse procedimento deve ser acessado através do endereço https://devolucaoauxilioemergencial.cidadania.gov.br/devolucao.

Segundo a Controladoria Geral da União (CGU), mais de 200 mil pessoas receberam o auxílio de forma indevida, isso apenas na primeira parcela do benefício. Já na segunda parcela, o valor foi pago erroneamente para mais de 37 mil pessoas.

Vale ressaltar também que, dados relacionados ao mês de maio, indicam a existência de pagamentos a 318.369 agentes públicos. Em resumo, há muitas pessoas que precisam efetuar a devolução do auxílio emergencial, pois esse valor poderia cobrir o pagamento para aqueles que realmente necessitam.

Auxílio Emergencial

O auxílio emergencial é um benefício que visa reduzir os impactos econômicos causados pela pandemia. O valor é pago a pessoas desempregadas, trabalhadores informais e MEIs, desde que se enquadrem nas regras estipuladas.

A autorização de seu pagamento foi dada através da lei nº 13.982, de 2 de abril de 2020 e ainda no mesmo mês se iniciou pagamento das primeiras parcelas a uma fatia dos beneficiários.

 

 

 

Você gostou deste conteúdo? AVALIE:

Avaliação média: 0
Total de Votos: 0

Auxílio emergencial foi pago indevidamente? Veja como devolver as parcelas!

Amanda Castro
Amanda Castro é graduada em Comunicação Social com habilitação em Jornalismo pela Universidade Católica de Pernambuco (UNICAP) e graduanda de Administração pela Secretaria de Educação e Esportes de Pernambuco (SEE). É responsável pela área de negócios, tráfego e otimização SEO do portal FDR. Além disso, atua como redatora do portal FDR e demais portais de notícias desde 2017, produzindo conteúdo sobre economia, finanças pessoais e programas sociais.
×

Este cartão de crédito sem anuidade está selecionando pessoas para receber possível limite agora!

VER AGORA