Entenda porque o Whatsapp foi impedido de liberar pagamentos online

Pagamentos via WhatsApp são cancelados no Brasil. Na última semana, o Banco Central e o Conselho Administrativo de Defesa Econômica informaram que as transações financeiras que iriam ser realizadas via wpp estão temporariamente suspensas. 

Entenda porque o Whatsapp foi impedido de liberar pagamentos online (Imagem: Reprodução - Google)
Entenda porque o Whatsapp foi impedido de liberar pagamentos online (Imagem: Reprodução – Google)

O serviço, anunciado no dia 15 de junho, permitia que os usuários fizessem pagamentos e transferências diretamente pelo aplicativo de mensagens de forma gratuita. 

Segundo o Banco Central, os pagamentos do WhatsApp precisariam de uma autorização prévia para funcionamento. Uma vez em que não houve uma consultoria pela instituição, a mesma declarou que as regras impostas pelo aplicativo poderiam gerar um clima de competição entre outras ferramentas, e assim comprometer o funcionamento dos serviços financeiros.  

É válido ressaltar que, por o BC ser a instituição responsável pelos serviços bancários nacionais, o lançamento de projetos como o do WhatsApp precisam passar por sua consultoria. Para isso, bandeiras de cartões como Visa e Master, devem criar formas de pagamento que incluam todos os participantes.  

De acordo com o BC, o modo de funcionamento do WhatsApp não ficou claro e por isso o serviço foi cancelado até que se apresente um planejamento mais detalhado sobre o sistema. Se a ordem for violada, a marca terá que pagar multas diárias.  

Posicionamento da Cade sobre pagamentos via WhatsApp  

Após o lançamento do serviço de pagamentos, o Conselho Administrativo de Defesa Econômica iniciou uma série de estudos para entender porque apenas a Cielo estaria atuando no processamento das compras. Segundo o Cade, a monopolização do serviço vai gerar uma desigualdade de mercado entre as demais marcas de maquininhas.  

“Tal base (de clientes) seria de difícil criação ou replicação por concorrentes da Cielo, sobretudo se o acordo em apuração envolver exclusividade entre elas. De qualquer modo, fica evidente que a base de usuários do WhatsApp propicia um potencial muito grande de transações que a Cielo poderia explorar isoladamente, a depender da forma como a operação foi desenhada”, disse por nota. 

Nota de esclarecimento do whatsapp 

“Ficamos muito animados com a avaliação positiva das pessoas no Brasil com o lançamento de pagamentos no WhatsApp na semana passada. Fornecer opções simples e seguras para que as pessoas realizem transações financeiras é muito importante durante esse período crítico de pandemia e ajudará na recuperação de pequenos negócios. Nosso objetivo é fornecer pagamentos digitais para todos os usuários do WhatsApp no Brasil, com um modelo aberto e trabalhando com parceiros locais e o Banco Central. Além disso, apoiamos o projeto PIX do Banco Central, e junto com nossos parceiros estamos comprometidos em integrar o PIX aos nossos sistemas quando estiver disponível.” 

MAIS LIDAS

×

Deixe as notícias mais recentes encontrarem você

Você pode ficar a par das melhores notícias financeiras e atualizado dos seus direitos com apenas uma coisa: o seu email!

Eduarda Andrade
Maria Eduarda Andrade é mestranda em ciências da linguagem na Universidade Católica de Pernambuco, formada em Jornalismo pela mesma instituição. Enquanto pesquisadora, atua na área de políticas públicas, economia criativa e linguística, com foco na Análise Crítica do Discurso. No mercado de trabalho, passou por veículo impresso, sendo repórter do Diario de Pernambuco, além de assessorar marcas nacionais como Devassa, Heineken, Algar Telecom e o Grupo Pão de Açúcar. Atualmente, dedica-se à redação do portal FDR, onde já acumula anos de experiência e pesquisas sobre economia popular e direitos sociais.