publicidade

O saque emergencial liberado para trabalhadores com contas ativas e inativas no FGTS podem obter o benefício já a partir da próxima semana. Com início no dia 29 de junho, o calendário FGTS segue até o mês de setembro.

Calendário FGTS começa na próxima semana; confira como vão funcionar os depósitos (Montagem/FDR)
Calendário FGTS começa na próxima semana; confira como vão funcionar os depósitos (Montagem/FDR)
publicidade

É importante lembrar que a Caixa Econômica Federal, banco responsável pelo repasse, criou um fluxo de pagamentos diferenciado, mediante a pandemia do novo coronavírus.

O valor recebido ficará disponível inicialmente apenas para movimentação na poupança digital Caixa. O depósito será realizado obedecendo a data de nascimento do trabalhador. O gerenciamento do valor é feito através do app Caixa Tem.

Por ele, neste primeiro momento, o beneficiário poderá para pagamentos de boletos, utilização do cartão digital para compras em débito e também em alguns locais de maneira presencial.

Em seguida será possível realizar os saques, em diversos terminais de atendimento Caixa, como Lotéricas, Banco 24h e agências Caixa. Para isto, é necessário ter em mãos o código de retirada dos valores gerado no app Caixa Tem.

Qual o valor do benefício?

O valor a ser retirado não poderá ultrapassar o definido pelo governo federal de R$ 1.045, equivalente a um salário mínimo. O mesmo poderá realizar a soma de diversas contas. O procedimento funciona da seguinte forma:

  • Valor em conta maior que R$ 1.045: Só poderá sacar o limite
  • Valor em conta menor que R$ 1.045: Poderá sacar todo valor em conta
  • Várias contas com benefício: Caso o trabalhador não tenha o valor de um salário mínimo em uma conta, ele poderá utilizar as demais até somar o equivalente a R$1.045.

Calendário FGTS 2020 no Caixa TEM

Mês de nascimento Crédito em conta poupança Saque ou transferência
Janeiro 29 de junho 25 de julho
Fevereiro 6 de julho 8 de agosto
Março 13 de julho 22 de agosto
Abril 20 de julho 5 de setembro
Maio 27 de julho 19 de setembro
Junho 3 de agosto 3 de outubro
Julho 10 de agosto 17 de outubro
Agosto 24 de agosto 17 de outubro
Setembro 31 de agosto 31 de outubro
Outubro 8 de setembro 31 de outubro
Novembro 14 de setembro 14 de novembro
Dezembro 21 de setembro 14 de novembro

 

Vale ressaltar que o saque não é obrigatório. Caso o trabalhador não esteja precisando do dinheiro e deseja manter no fundo do FGTS é possível. As consultas dos valores podem ser feitas através do site do FGTS.

Ainda é possível realizar o atendimento através do telefone Caixa 111. Com a liberação realizada para esta sexta (19) agora será possível utilizar o canal de Internet Banking da Caixa, ou por meio do aplicativo do FGTS.

COMENTÁRIOS

Juan Gouveia, formado em jornalismo pela Universidade Católica de Pernambuco (UNICAP). É redator do portal FDR, produzindo pautas sobre economia popular, direitos trabalhistas e finanças diariamente.

VEJA TAMBÉM