Banco de Brasil manda mensagem para orientar trabalhadores sobre saque do BEm

Nos últimos dias, os trabalhadores que aderiram a Medida Provisória 936 que trata da suspensão do contrato de trabalho ou redução de jornada, receberam mensagens do Banco do Brasil que continham um link para o acompanhamento do Benefício Emergencial de Preservação do Emprego e Renda (BEm). Muitas pessoas acabaram não acessando o link com medo de se tratar de golpe, porém neste caso a mensagem é verídica e seu intuito é auxiliar os trabalhadores.

Banco de Brasil manda mensagem para orientar trabalhadores sobre saque do BEm
Banco de Brasil manda mensagem para orientar trabalhadores sobre saque do BEm (Foto: Google)

O BEm é equivalente a um percentual do seguro-desemprego a que o trabalhador teria direto se fosse demitido e seu valor fica entre R$261,25 e R$1.813,03.

Para as suspensões dos contratos de trabalho, o trabalhador recebe o benefício por um prazo de dois meses, limite máximo para a modalidade. Para quem teve a jornada de trabalho e o salário reduzidos em 25%, 50% ou 70%, o pagamento pode acontecer durante três meses.

Todo o processamento dos pagamentos é realizado pela Caixa Econômica para os correntistas do banco e para as pessoas sem conta bancária. Os demais que tem contas em outros bancos, o Banco do Brasil será o responsável pelo pagamento.

Por este motivo, o BB enviou esta mensagem aos beneficiários que informaram o número de seu telefone no cadastro internos ou outras fontes, como o Banco Central, comunicando a possibilidade de acompanhamento do benefício no site do BEm.

“No mesmo site, qualquer beneficiário pode consultar a situação do seu benefício e também cadastrar um telefone para receber novos SMS cada vez que houver alteração na situação do seu benefício” informou o Banco do Brasil.

O depósito do BEm é automático na conta bancária do trabalhador, informada pela empresa. Porém, o depósito em conta-salário não é autorizado. Para estes casos, será aberta pelo BB uma Carteira Digital para realizar o pagamento.

Para que o valor do auxilio não seja deduzido de saldos devedores de contas-correntes, os bancos estão abrindo contas poupança comuns para o depósito do valor da ajuda, vinculadas automaticamente às contas originais.

O aplicativo Carteira BB pode ser baixado nas lojas de aplicativos dos celulares iOS ou Android. Após a instalação, o beneficiário precisa de um breve cadastro.

Quando o benefício estiver disponível, vai aparecer uma opção de resgate do voucher para que o usuário responda perguntas de segurança e possa receber o dinheiro na Carteira bB. Todas as informações podem ser consultadas neste link.

MAIS LIDAS

×

Deixe as notícias mais recentes encontrarem você

Você pode ficar a par das melhores notícias financeiras e atualizado dos seus direitos com apenas uma coisa: o seu email!

Paulo Amorim
Paulo Henrique Oliveira é formado em Jornalismo pela Universidade Mogi das Cruzes e em Rádio e TV pela Universidade Bandeirante de São Paulo. Atua como redator do portal FDR, onde já cumula vasta experiência e pesquisas, produzindo matérias sobre economia, finanças e investimentos.