Atenção! Saque do auxílio emergencial pode ser antecipado no Banco24h; veja como!

PONTOS CHAVES

  • A Caixa Econômica já está pagando a segunda parcela para todos os beneficiários, por meio da conta digital
  • O dinheiro só poderá ser movimentado no aplicativo Caixa Tem, por enquanto.
  • O pagamento pode ser sacado por meio do Banco 24 horas, usando recursos digitais 

Os beneficiários do auxílio emergencial estão tendo que aguardar para poder realizar o saque dos R$600 ou R$1.200, pagos pelo governo. Isso porquê, para evitar aglomerações nas agências da Caixa, foram estabelecidas algumas datas para que sejam realizados os saques.

Atenção! Saque do auxílio emergencial pode ser antecipado no Banco24h; veja como!
Atenção! Saque do auxílio emergencial pode ser antecipado no Banco24h; veja como! (Foto:Google)

Apesar disso, o dinheiro já está disponível na conta Caixa Tem e é com ele que vamos conseguir sacar o dinheiro no Banco 24h. Porém, vale lembrar que isso só será possível após o dia 30 de maio, ou utilizando recursos de carteiras digitais como o PicPay ou Mercado Pago.

Por meio do aplicativo da Caixa Tem, é possível fazer a transferência para outro banco sem custo nenhum. Veja como:

  1. Insira seu CPF no app para fazer login;
  2. Toque em “Próximo”;
  3. Clique em “Iniciar Verificação”;
  4. Toque em “Transferir Dinheiro”;
  5. Clique em “Digitar Agência/Conta”;
  6. Escolha a opção “Outros Bancos”;
  7. Insira a agência da sua conta digital sem o dígito;
  8. Insira o número da conta digital;
  9. Coloque o dígito da conta digital;
  10. Insira o tipo de conta (corrente);
  11. Coloque o número do CPF;
  12. Informe o nome completo do titular da conta digital;
  13. Insira o valor que você quer transferir (R$ 600).
  14. E a transação é concluída com sucesso.

O auxílio também pode ser transferido para o PicPay, Mercado Pago ou Nubank, mas para isso é necessário que o usuário gere o cartão de débito virtual. Saiba aqui como transferir para cada um.

PicPay 

  1. Com o cartão de débito virtual (Elo) da Caixa Tem, acesse o PicPay e toque na guia “Carteira”;
  2. Toque no botão “Adicionar”;
  3. Escolha a opção “Cartão de débito virtual da Caixa”;
  4. Selecione a opção “Já tenho o cartão virtual”;
  5. Digite os dados do cartão para cadastrá-lo no PicPay;
  6. Depois, escolha o valor que deseja transferir do Caixa Tem ao PicPay e confirme a operação.

Mercado Pago

  1. Após gerar o cartão de débito virtual, toque em “Adicionar dinheiro”;
  2. Selecione a opção “Cartão Virtual Caixa”;
  3. Toque em “Continuar”;
  4. Digite o valor que deseja transferir da Caixa Tem para a carteira do Mercado Pago;
  5. Toque em “Cartão de débito virtual da Caixa”;
  6. Digite as informações do cartão gerado e toque em “Continuar”.

Nubank

  1. Na página inicial do Nubank, toque em “Depositar”;
  2. Selecione a opção “Gerar um boleto de depósito”;
  3. Digite o valor do boleto, o quanto será transferido para o Nubank e toque em “Confirmar”;
  4. Copie o código de barras e use o Caixa Tem para fazer o pagamento.

Custo do saque do auxílio emergencial em cada banco

Cada banco tem um custo para o dinheiro seja sacado, saiba aqui o custo nos principais bancos do país.

  • Banco Inter: Grátis
  • Nubank: R$ 6,50
  • Next: Grátis no Banco24Horas e nos caixas eletrônicos do Bradesco
  • Neon: 4 saques grátis por mês. A partir do 5 saque no mês, a tarifa é de R$ 6,90
  • C6 Bank: Grátis

Quem pode receber?

O auxílio emergencial foi criado como um recurso para minimizar os impactos causados pela pandemia do coronavírus, para receber o dinheiro é necessário:

  • ser maior de 18 anos de idade;
  • não ter emprego formal ativo;
  • não ser agente público;
  • ter renda familiar mensal por pessoa de até meio salário mínimo (ou seja, R$ 522,50) ou a renda familiar mensal total de até três salários mínimos (ou seja, até R$ 3135,00);
  • não ter recebido em 2018 rendimentos tributáveis acima de R$ 28.559,70.

Calendários do auxílio emergencial 

O pagamento da segunda parcela será realizada de acordo com o mês de nascimento dos beneficiários. Veja o calendário:

  • 19 de maio (terça): nascidos em janeiro
  • 20 de maio (quarta): nascidos em fevereiro
  • 21 de maio (quinta): nascidos em março
  • 22 de maio (sexta): nascidos em abril
  • 23 de maio (sábado): nascidos em maio, junho ou julho
  • 25 de maio (segunda): nascidos em agosto
  • 26 de maio (terça): nascidos em setembro
  • 27 de maio (quarta): nascidos em outubro
  • 28 de maio (quinta): nascidos em novembro
  • 29 de maio (sexta): nascidos em dezembro

Bolsa Família

O benefício também está sendo pago para aqueles que fazem parte do programa Bolsa Família. Seguindo o calendário, hoje o pagamento será realizado para aqueles que possuem o NIS 6. Veja o calendário:

  • 18 de maio (segunda): NIS 1
  • 19 de maio (terça): NIS 2
  • 20 de maio (quarta): NIS 3
  • 21 de maio (quinta): NIS 4
  • 22 de maio (sexta): NIS 5
  • 25 de maio (segunda): NIS 6
  • 26 de maio (terça): NIS 7
  • 27 de maio (quarta): NIS 8
  • 28 de maio (quinta):NIS 9
  • 29 de maio (sexta): NIS 0

Esses beneficiários não precisam aguardar um período de carência, e podem realizar o saque do dinheiro no dia em que ele for liberado.

Aqueles que fazem parte do programa e ainda não receberam o auxílio devem ficar atentos, pois de acordo com as regras apenas dois integrantes do mesmo endereço podem receber o auxílio emergencial do governo. 

Sendo assim, cerca de 1/3 dos beneficiários do programa não tem direito de receber o auxílio emergencial pois tem carteira assinada.

Ao todo são quase 4 milhões de beneficiários que receberão o salário de R$600, cerca de 1,84 milhão, ou seja, 46% foram consideradas pelo sistema como inelegíveis. 

MAIS LIDAS

×

Deixe as notícias mais recentes encontrarem você

Você pode ficar a par das melhores notícias financeiras e atualizado dos seus direitos com apenas uma coisa: o seu email!

Jheniffer Freitas
Jheniffer Aparecida Corrêa Freitas é formada em Jornalismo pela Universidade de Mogi das Cruzes. Atuou como assessora de imprensa da Secretaria de Segurança Pública do Estado de São Paulo e da Secretarial Estadual da Saúde de São Paulo. Atualmente, é redatora do portal FDR, produzindo pautas sobre economia popular e finanças.
×

Este cartão de crédito sem anuidade está selecionando pessoas para receber possível limite agora!

VER AGORA