Restituição do IRPF 2020 faz primeiro pagamento este mês; veja quem recebe

Mesmo com o adiamento para a entrega da declaração do Imposto de Renda, o calendário de restituição do IRPF 2020 será mantido. Segundo a Receita Federal, a entrega das declarações poderá ser feita até o dia 30 de junho. O adiamento ocorreu por conta da pandemia do novo Coronavírus. No começo desse mês, a Receita já havia divulgado que o calendário de restituições seria mantido e que o 1° lote estaria disponível a partir do dia 29 de maio.

Restituição do IRPF 2020 faz primeiro pagamento este mês; veja quem recebe
Restituição do IRPF 2020 faz primeiro pagamento este mês; veja quem recebe (Montagem/FDR)

Ainda segundo a Receita, haverá a redução de sete para cinco lotes neste ano. Porém, o órgão ainda não divulgou como fará a avaliação de prioridades. Afinal, a legislação exige que no primeiro lote sejam contemplados os idosos, pessoas com deficiência e doenças graves.

Outro fator é que neste período, o prazo para declaração ainda estará vigente, devido o adiamento.

De acordo com as últimas informações, o calendário de restituição do IRPF 2020 por lotes segue assim:

Em 2019, o Governo liberou mais de R$ 23 bilhões aos contribuintes, total esse dividido em sete lotes. O primeiro lote foi pago no mês de junho e contabilizou o valor de R$ 5,1 bilhões. Com a propagação do coronavírus e a queda na economia, esses valores serão ainda mais relevantes para o país.

No que diz respeito às declarações de imposto de renda, a Receita já recebeu mais de 30% do total. A abertura das entregas começou no dia 2 de março e vai seguir até 30 de junho, conforme adiamento já informado.

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE
OPORTUNIDADE
Novo Cartão de crédito queridinho do Brasil, sem anuidade e que você pode solicitar agora 34.787 pessoas já solicitaram

O prazo para pagamento de imposto também foi alterado para o dia 30 de junho, em casos de primeira cota ou cota única. Para quem for efetuar débito automático, o prazo fica para o dia 10 de junho.

Quem precisa efetuar o pagamento da segunda parcela do Darf (documento de arrecadação), pode fazer entre os dias 11 e 30 de junho. Lembrando que, anteriormente, o prazo era de 11 a 30 de abril.

Neste caso, a guia de pagamento pode ser gerada no site da Receita Federal ou no próprio programa da declaração.

 

 

PARA VOCÊ
Seguro de carros do Itaú, Bradesco ou Porto Seguro; qual mais vantajoso?
PARA VOCÊ
Paraíba suspende feriado de São João, mas libera funcionamento do comércio
PARA VOCÊ
5 Infrações que podem render multa na sua CNH com novas leis de trânsito