Caixa abre 2 mil agências neste sábado; confira horário para saque

Por contas das aglomerações e filas registradas nas portas das agências, a Caixa Econômica Federal resolveu ampliar o número de unidades abertas neste sábado (7). De acordo com a instituição, serão abertas pelo menos 1200 agências para suprir o número de pessoas tentando efetuar o saque do Auxílio Emergencial.

Caixa abre 2 mil agências neste sábado; confira horário para saque
Caixa abre 2 mil agências neste sábado; confira horário para saque (Foto: Google)

Um balanço feito pelo banco mostrou que no último sábado (2), haviam 902 agências abertas para atender os clientes. Além disso, o benefício já foi pago a 50,5 milhões de pessoas, um total de R$ 35,5 bilhões.

Outra solução encontrada para a redução das filas foi o aumento no período de atendimento, que desde o último dia 4 passou a ser das 8h às 14h. Para facilitar o atendimento ao público haverá um maior número de colaboradores.

Essas medidas ocorreram após o presidente da Caixa, Pedro Guimarães, admitir que as filas estavam muito grandes e comprometendo as recomendações do distanciamento social.

“Hoje foi um dia intenso, com um volume de pagamentos seis vezes superior ao de terça-feira, quando houve problemas. Já temos todas as questões dos aplicativos funcionando dentro das agências. Então, conseguimos realizar (pagamentos) de maneira muito rápida e eficiente. Com a geração de QR Code, de validação, dentro da agência, pagamos mais de 1 milhão de pessoas só pelo aplicativo dentro da agência hoje.” Afirmou.

Essa grande movimentação nas agências é para o recebimento da primeira parcela do benefício, que começou em abril. A previsão do pagamento da segunda parcela era para iniciar no último dia 27, porém isso não foi possível, pois muitos ainda não tinham começado a receber o benefício.

De acordo com a Caixa, até o fim dessa semana, o novo calendário será divulgado para informar o próximo pagamento. Segundo o presidente do banco, Pedro Guimarães, o cronograma dos próximos pagamentos já foi aprovado pelo ministro da economia, Paulo Guedes, e precisa ainda da aprovação do ministro da cidadania e do presidente Jair Bolsonaro.

Nessa próxima leva, as datas de pagamento devem ser diferentes entre os beneficiários do Bolsa Família, os que estão no CadÚnico e os cadastrados pelo aplicativo. Essa medida é para evitar mais aglomerações na hora do saque

 

MAIS LIDAS

×

Deixe as notícias mais recentes encontrarem você

Você pode ficar a par das melhores notícias financeiras e atualizado dos seus direitos com apenas uma coisa: o seu email!

Amanda Castro
Amanda Castro é graduada em Comunicação Social com habilitação em Jornalismo pela Universidade Católica de Pernambuco (UNICAP) e graduanda de Administração pela Secretaria de Educação e Esportes de Pernambuco (SEE). É responsável pela área de negócios, tráfego e otimização SEO do portal FDR. Além disso, atua como redatora do portal FDR e demais portais de notícias desde 2017, produzindo conteúdo sobre economia, finanças pessoais e programas sociais.