Acompanhe o SEU pedido do auxílio emergencial por esse passo a passo!

O auxílio emergencial liberado pelo governo federal para auxiliar brasileiros em situação de vulnerabilidade já teve seu calendário de pagamentos iniciado, mas alguns beneficiários ainda estão em dúvida de como acompanhar a solicitação.

Acompanhe o SEU pedido do auxílio emergencial por esse passo a passo! (Montagem/FDR)
Acompanhe o SEU pedido do auxílio emergencial por esse passo a passo! (Montagem/FDR)

Isto porque nem todos os brasileiros que se enquadram nos critérios de recebimento estão automaticamente cadastrados. Vale ressaltar que os beneficiados do Bolsa Família já recebem os R$ 600 de forma automática, quando mais vantajoso, o mesmo é válido para inscritos no Cadastro Único.

Mas ainda há um público que necessita realizar um cadastro, através do aplicativo “Caixa – Auxílio Emergencial” ou site com mesmo nome. Neste sentido, é importante ficar atento aos pontos observados na hora de cadastrar no app e acompanhar a solicitação.

Ao entrar em qualquer um desses meios, o usuário irá encontrar uma tela de simples guia e que irá solicitar documentos padrões – clicando em “Realize sua Solicitação“. Depois de preenchido, o governo irá realizar uma análise dos dados para verificar se o interessado é apto.

Serão cobradas as seguintes informações:

  • Nome completo
  • CPF
  • Nome da mãe
  • Data de Nascimento
  • Número de telefone
  • Renda, ramo de trabalho, estado e cidade
  • Dados de todos os moradores do núcleo familiar (Nome completo e CPF)
  • Conta bancária

Pronto, com essas informações em mãos, o interessado pode acessar um dos meios e preencher os campos.

Vale destacar que ministro Onyx Lorenzoni pontou que pessoas que não tenham acesso à internet, será possível também fazer o registro em agências da Caixa ou lotéricas.

Acompanhando a solicitação do auxílio emergencial

Com o benefício em análise, será possível acompanhar diariamente o status da solicitação. O governo detalha que em até 7 dias úteis os interessados podem obter uma resposta positiva ou negativa do banco.

Caso seja aprovado, agora deverá esperar o repasse do valor. Procedimento poderá ser visualizado através de aplicativo do banco no qual indicou o depósito. Mas se o beneficiado não tem conta em nenhum banco, conta digital será criada na Caixa.

Com a conta digital, será necessário baixar o app “Caixa Tem” e acompanhar se o dinheiro já foi depositado. Com o dinheiro em conta, seja no Caixa Tem ou aplicativo de seu banco, o beneficiado poderá utilizar para pagar boletos, como conta de água, luz e telefone sem sair de casa.

Além deste público, ainda há aquele que tem o pedido negado. Nesta situação, Caixa detalha que poderá ser solicitada uma revisão no benefício e a Dataprev – órgão do governo responsável pelo cruzamento de dados – realizará uma nova análise e o mesmo critério de tempo será observado.

MAIS LIDAS

×

Deixe as notícias mais recentes encontrarem você

Você pode ficar a par das melhores notícias financeiras e atualizado dos seus direitos com apenas uma coisa: o seu email!

REDAÇÃO
Cobertura e repercussão de assuntos que impactam o bolso de todos os brasileiros. A redação do FDR.com.br traz diariamente assuntos relevantes de uma forma descomplicada e confiável.