INSS antecipa pagamento do 13° salário; saiba como vai funcionar

Como uma das medidas para incentivar a economia brasileira que anda desanimada graças a pandemia provocada pelo coronavírus, governo federal libera a antecipação do décimo terceiro para aposentados e beneficiários do INSS, o Instituto Nacional do Seguro Social.

INSS antecipa pagamento do 13° salário; saiba como vai funcionar (Reprodução/Internet)
INSS antecipa pagamento do 13° salário; saiba como vai funcionar (Imagem: Reprodução/Internet)

Além desta novidade, a equipe econômica propôs redução de juros e ampliação de margem e prazo para empréstimos consignados. Ainda é estudado realizar a liberação de uma nova rodada do saque imediato.

Leia Também: Pagamento do BPC para mais beneficiados depende de explicação judicial

Esta medida visa tentar pontuar os principais afetados pelo Covid-19, os idosos. Desta forma, este público será beneficiado com a antecipação do 13°. O valor pode ser usado na compra de remédios, álcool em gel, pagamento de custos médicos, exames e etc.

A expectativa do governo é liberar a primeira parcela do 13° do INSS aos aposentados e pensionistas entre o final de março e início do mês de abril. As informações foram compartilhadas pelo secretário especial de Previdência e Trabalho, Bruno Bianco.

Segundo o governo federal, com a antecipação do décimo terceiro para este público a expectativa é de que sejam injetados R$ 23 bilhões na economia para tentar estimular a compra e movimentação de dinheiro no país.

INSS ainda vai propor redução de juros e a ampliação do prazo para a realização de empréstimos consignados destes benefícios. Vale ressaltar que medidas foram discutidas durante o monitoramento realizado pelo Ministério da Economia, no qual analisa questões ligadas a pandemia no Brasil.

Já em relação a redução das taxas, a da Economia ainda irá realizar propostas a outros órgãos. Entre elas, está proposta a apresentação desta modificação ao Conselho Nacional da Previdência Social (CNPS).

Leia Também: Décimo terceiro do Bolsa Família: verdade ou mito? Saiba qual a situação

Destaca-se também que um outro ponto pode ser enviado ao Congresso, no qual visa realizar a ampliação da margem do salário que pode ser em certa parte comprometida com parcela do financiamento.

Atualmente esta margem de salário que pode ser comprometida é de 30% nos casos de empréstimo e 5% para o cartão de crédito. Além destas medidas, prazo de pagamento também pode aumentar.

MAIS LIDAS

×

Deixe as notícias mais recentes encontrarem você

Você pode ficar a par das melhores notícias financeiras e atualizado dos seus direitos com apenas uma coisa: o seu email!

REDAÇÃO
Cobertura e repercussão de assuntos que impactam o bolso de todos os brasileiros. A redação do FDR.com.br traz diariamente assuntos relevantes de uma forma descomplicada e confiável.
×

Este cartão de crédito sem anuidade está selecionando pessoas para receber possível limite agora!

VER AGORA