IPTU Maceió 2020: prefeitura estende prazo para quitar 1° parcela

A prefeitura de Maceió prorrogou por meio da Secretaria Municipal de Economia (Semec), o prazo para os contribuintes pagarem a cota única ou a 1° parcela do Imposto Predial e Territorial Urbano (IPTU). O novo vencimento do IPTU Maceió 2020 é para o mês de abril.

IPTU Maceió 2020: prefeitura estende prazo para quitar 1° parcela
IPTU Maceió 2020: prefeitura estende prazo para quitar 1° parcela (Imagem:Reprodução/Google)

Inicialmente, o prazo era até o dia 31 de março e agora passou para o dia 20 de abril. Esse tempo maior foi necessário devido alguns ajustes internos que precisavam ser realizados nos processos de produção do material.

Leia Também: IPTU de Feira de Santana caí em golpe com envio de boletos falsos

O vencimento para aqueles que optaram pelo parcelamento foi mantido para o último dia útil de cada mês. 

Em entrevista ao jornal Alagoas 24 horas, o diretor de Relacionamento com o Contribuinte da Semec, Lúcio Calheiros, explicou sobre a extensão do prazo. 

“Este ano precisamos estender o prazo e como isso impacta na data de postagem do documento para os contribuintes, para não prejudicá-los, decidimos prorrogar, mesmo disponibilizando as guias desde janeiro pelo site da Prefeitura”, disse.

Apesar desse prazo maior, os contribuintes maceioenses podem garantir o desconto de 10% ao efetuar o pagamento do IPTU Maceió 2020 na cota única. Acessando os carnês no site da prefeitura, no menu à direita. 

Neste ano para quem desejar pode ser realizado o parcelamento do imposto, em até 10 vezes. O valor mínimo da parcela deve ser de R$30.

Segundo Lúcio, serão cerca de 360 mil lançamento de IPTU Maceió 2020. “A expectativa é de arrecadar em média R$122 milhões, já considerando o índice de inadimplência de 46%. O índice da taxa de inadimplência ainda é alto, mas é importante dizer que a Semec tem buscado estratégias para a prática da justiça fiscal, oferecendo facilidades na hora de negociar ou quitar débitos tributários”, disse Calheiros.

No ano de 2017, o índice de inadimplência do imposto ultrapassava os 50%. Com a quantia recolhida por meio do IPTU Maceió 2020 os setores públicos do município ganham mais investimento.

Leia Também: Concurso para PM e Bombeiros de PR abre 2,4 mil vagas

A ideia é que o valor seja usado em áreas como educação, saúde, segurança e infraestrutura local. Quem ficar inadimplente pode ter problemas judiciais, além de aumentar o valor a ser pago.

 

MAIS LIDAS

×

Deixe as notícias mais recentes encontrarem você

Você pode ficar a par das melhores notícias financeiras e atualizado dos seus direitos com apenas uma coisa: o seu email!

Jheniffer Freitas
Jheniffer Aparecida Corrêa Freitas é formada em Jornalismo pela Universidade de Mogi das Cruzes. Atuou como assessora de imprensa da Secretaria de Segurança Pública do Estado de São Paulo e da Secretarial Estadual da Saúde de São Paulo. Atualmente, é redatora do portal FDR, produzindo pautas sobre economia popular e finanças.
×

Este cartão de crédito sem anuidade está selecionando pessoas para receber possível limite agora!

VER AGORA