Vagas de emprego IBGE: 397 oportunidades em Piracicaba

Oportunidades de emprego em São Paulo. Nessa segunda-feira (2), o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) anunciou que irá abrir um concurso público, com 397 vagas, direcionadas para a cidade de Piracicaba. Quem preencher as vagas de empego IBGE vai atuar na realização do Centro Demográfico de 2020, em parceria com a prefeitura da região.

publicidade
Vagas de emprego IBGE: 397 oportunidades em Piracicaba (Imagem: Reprodução - Google)
Vagas de emprego IBGE: 397 oportunidades em Piracicaba (Imagem: Reprodução – Google)
publicidade

Segundo o comunicado, ao todo serão ofertadas 353 vagas para recenseadores, 39 para agente censitário supervisor e 5 para agente censitário municipal. Além do município, o estado também recrutará mais pessoas, contabilizando aproximadamente 46 mil contratações.

Leia também: Concurso público do TCU lança 20 vagas com salário de R$21,9 mil

O edital ainda não foi liberado e deve ser publicado até o fim do mês. Apenas por meio dele será possível ter acesso às informações salariais, prazos de inscrição, realização das provas, cargos e demais procedimentos sobre as vagas de emprego IBGE.

No entanto, a prefeitura já anunciou que os contratos terão duração até o mês de dezembro deste ano e que o valor dos salários será sob responsabilidade do IBGE. Quanto a coleta de dados e início das atividades, elas acontecerão entre agosto e outubro.

Questionados pelo G1 sobre os detalhamentos referentes a benefícios, valor de pagamento, nível de escolaridade e demais informações, os representantes alegaram que todos os dados só poderão ser compartilhados oficialmente, por meio da publicação no Diário Oficial.

Ainda nessa semana, os gestores da prefeitura se reunirão com o IBGE para poder darem início ao processo de mapeamento de dados. A última vez em que a região foi analisada foi em 2010. Desde então, os números seguem estáticos, até a realização de um novo senso.

Para poder compor a ação, o poder público e o IBGE trabalharão em conjunto, tendo como foco divulgar a seleção e recrutar mais rapidamente os candidatos. Além disso, também precisarão montar os postos de coleta e analisar como será realizado o apoio logístico para a medição do território.

Leia também: Crise no Minha Casa Minha Vida não atrapalha setor de construção

O senso tem como objetivo obter números a respeito do desenvolvimento da região. Por meio dele, a gestão pública consegue respaldo para pautar seus projetos de modo que atenda as necessidades dos cidadãos.

Além disso, os dados também são utilizados a nível nacional, com a finalidade de auxiliar na construção de políticas públicas, decisões institucionais e privadas, sociais e assistenciais, de saúde e educação.

Eduarda AndradeEduarda Andrade
Maria Eduarda Andrade é mestranda em ciências da linguagem na Universidade Católica de Pernambuco e formada em Jornalismo pela mesma instituição. Enquanto pesquisadora, atua na área de políticas públicas, economia criativa e linguagens. No mercado de trabalho, já passou por veículo impresso, sendo repórter do Diario de Pernambuco, além de ter assessorado marcas nacionais como a Devassa, Heineken, Algar Telecom e o Grupo Pão de Açúcar. Atualmente, dedica-se à redação do portal FDR.