Saque imediato FGTS: aprenda a consultar quando pode receber

Se você trabalhou de carteira assinada nos últimos anos e ainda não foi retirar o valor do saque-imediato FGTS fique atento. O calendário de pagamentos do benefício está prestes a se encerrar. As quantias ficarão disponíveis até o dia 31 de março e podem ser retiradas em qualquer agência da Caixa Econômica Federal ou Casas Lotéricas. Para quem ainda não sabe o número exato do pagamento, é possível fazer uma consulta digital. Confira.

Saque imediato FGTS: como saber quanto pode receber? (Imagem: Reprodução - Google)
Saque imediato FGTS: como saber quanto pode receber? (Imagem: Reprodução – Google)

Apesar do benefício estar sendo liberado desde setembro do ano passado, ainda há muitos trabalhadores em dúvidas quanto aos valores e direitos de seu recebimento.

Leia também: Saque imediato do FGTS ainda está disponível na Caixa! Aprenda a sacar 

Por se tratar de um novo auxílio, até então não ofertado, que passou por alterações durante o próprio calendário da prestação de contas, muitos brasileiros seguem receosos quanto a decisão de sacar ou não a parcela.

Como consultar os valores no saque imediato FGTS

No caso dos valores, é possível conferir a quantia exata por meio do site e aplicativo da Caixa Econômica Federal e também através do aplicativo do FGTS.

Basta acessar qualquer uma das plataformas e informar o número do NIS, CPF e data de nascimento. O procedimento é básico e gratuito.

Ao enviar os dados mencionados, o usuário entrará em sua área reservada e nela poderá saber quantas contas possui no FGTS, estejam elas ativas ou inativas, e qual o valor concedido por conta. É válido ressaltar que o saque-imediato permite mais de uma retirada financeira, pois ele leva em consideração o número de contas do trabalhador.

Pagamentos por contas ativas e inativas

Cada conta pode ter um pagamento médio entre R$ 500 e R$ 998. No último caso, a quantia é destinada para aqueles que até junho de 2019 tinham um fundo de garantia entre R$ 501 e R$ 998, e que vão poder receber o valor total.

Leia também: Preço do combustível caí, mas consumidores não conseguem se beneficiar

Quem soma, por conta, mais que R$998 tem direito aos quinhentos reais liberados inicialmente. Há ainda outra possibilidade de valor, já que a liberação da conta total foi feita depois de ter iniciado o calendário.

Isso significa que os trabalhadores que receberam os R$500, mas têm direito ao R$998, podem retornar ao banco para receber a diferença de R$498.

O cálculo de pagamento é feito individualmente por cada conta registrada no FGTS do trabalhador e sua liberação não pode ser feita de forma conjunta.

Entretanto, é válido ressaltar que, o trabalhador que, por exemplo, só desejar efetuar o saque de uma de suas contas do FGTS, poderá ter valor das demais contas guardados em seu fundo.

Após o dia 31 de março, o pagamento ficará retido e só poderá ser liberado por meio de uma ação judicial que comprove a necessidade da quantia.

MAIS LIDAS

×

Deixe as notícias mais recentes encontrarem você

Você pode ficar a par das melhores notícias financeiras e atualizado dos seus direitos com apenas uma coisa: o seu email!

Eduarda Andrade
Maria Eduarda Andrade é mestranda em ciências da linguagem na Universidade Católica de Pernambuco, formada em Jornalismo pela mesma instituição. Enquanto pesquisadora, atua na área de políticas públicas, economia criativa e linguística, com foco na Análise Crítica do Discurso. No mercado de trabalho, passou por veículo impresso, sendo repórter do Diario de Pernambuco, além de assessorar marcas nacionais como Devassa, Heineken, Algar Telecom e o Grupo Pão de Açúcar. Atualmente, dedica-se à redação do portal FDR.
×

Este cartão de crédito sem anuidade está selecionando pessoas para receber possível limite agora!

VER AGORA