Pagamento PIS/PASEP será de R$1.045 ainda nesse calendário; confira quando 

Ainda no calendário desse mês de fevereiro, os trabalhadores que têm direito ao pagamento do PIS/PASEP poderão sacar R$1.045. Em janeiro, a quantia foi de R$1.039.

Pagamento PIS/PASEP será de R$1.045 ainda nesse calendário; confira quando 
Pagamento PIS/PASEP será de R$1.045 ainda nesse calendário; confira quando (Imagem:Reprodução/Google)

O aumento no salário mínimo, que teve um reajuste de 4,48% conforme a inflação e passou de R$1.039 para 1.045, subiu também o valor do abono salarial. 

O benefício é depositado para os trabalhadores de baixa renda e é considerado um 14º salário. Porém, há alguns requisitos para ter direito ao valor. 

Saiba também: Seguro desemprego 2020 é negado para o público empreendedor; veja como recorrer

Têm direito a receber esse abono salarial os brasileiros que trabalharam por pelo menos 30 dias, com carteira assinada, no ano de 2018. 

Além disso, o ganho deve ter sido de no máximo dois salários mínimos por mês, durante o período anterior ao início do calendário. 

O trabalhador também precisa estar inscrito no PIS há pelo menos cinco anos e a empresa deve ter informado os dados do empregado de forma correta ao governo brasileiro.

Vão receber a nova quantia, todos aqueles quer receberão o pagamento do PIS/PASEP entre fevereiro e março.

O PIS é o Programa Integração Social, pago para os trabalhadores de empresas privadas, o seu calendário segue os meses de nascimento dos trabalhadores.

O benefício liberado são para aqueles que nasceram entre os meses de março e abril. Os trabalhadores recebem o seu dinheiro pela Caixa Econômica Federal.

Já o PASEP, é o Programa de Formação do Patrimônio do Servidor Público pago para os funcionários públicos. Para a definição das datas de pagamento é levado em consideração o número final de inscrição. Ele é pago pelo Banco do Brasil.

Aqueles que já tiverem conta nos bancos, terão o valor creditado antes da data prevista. Porém, aqueles que não possuem conta nos bancos, podem ir até um caixa eletrônico, com o cartão cidadão e a senha para sacar o dinheiro.

Aqueles que não têm o cartão podem receber o valor em qualquer agência da Caixa, mas é preciso levar documento de identificação com foto, CPF e carteira de trabalho. 

Para saber se tem direito ao PIS, o trabalhador pode telefonar para a Caixa no 0800-726-02-07 ou acessar o site. Para a consulta é necessário ter em mãos o número do NIS (PIS/Pasep).

Os servidores que recebem PASEP devem verificar se houve depósito em conta no Banco do Brasil. Caso isso não tenha ocorrido, basta procurar uma agência do BB para regularizar a situação.

Mais informações sobre o PASEP podem ser obtidas pelo telefone 0800-729 00 01, do Banco do Brasil.

O saldo ficará disponível para retirada até o dia 30 de junho deste ano para poder retirar o pagamento do PIS/PASEP. Caso contrário, o benefício vai para Fundo de Amparo ao Trabalhador (FAT).

MAIS LIDAS

×

Deixe as notícias mais recentes encontrarem você

Você pode ficar a par das melhores notícias financeiras e atualizado dos seus direitos com apenas uma coisa: o seu email!

Jheniffer Freitas
Jheniffer Aparecida Corrêa Freitas é formada em Jornalismo pela Universidade de Mogi das Cruzes. Atuou como assessora de imprensa da Secretaria de Segurança Pública do Estado de São Paulo e da Secretarial Estadual da Saúde de São Paulo. Atualmente, é redatora do portal FDR, produzindo pautas sobre economia popular e finanças.
×

Este cartão de crédito sem anuidade está selecionando pessoas para receber possível limite agora!

VER AGORA