Calendário do 13° salário do Bolsa Família é divulgado em Pernambuco

Beneficiários do Bolsa Família em Pernambuco devem ficar atentos ao calendário de recebimento do programa. Governo do estado divulgou na última terça-feira (4) o calendário do 13° salário do Bolsa Família, o cronograma mostra quando será feito o pagamento da parcela extra neste ano.

Calendário do 13° salário do Bolsa Família é divulgado em Pernambuco (Reprodução/Google Imagens)
Calendário do 13° salário do Bolsa Família é divulgado em Pernambuco (Reprodução/Google Imagens)

De acordo com o calendário, o recebimento será divido de acordo com o mês de nascimento do responsável pela família. Por se tratar de um pagamento estadual, os valores podem chegar até R$ 150 por pessoa.

Acesse também: Bolsa Família: o que muda a partir de 2020? Saiba!

Segundo a Secretaria de Desenvolvimento Social, Criança e Juventude, responsável pelo repasse, no estado há 1.125.559 famílias com o direito a receber o valor, o que corresponde a 34,5% da população do estado, segundo a

Para conferir os valores, os beneficiários devem acessar o site da secretaria. No login é preciso informar a data de nascimento do titular do cartão do Bolsa Família e o NIS, disponível no cartão. O NIS é o número de identificação social do beneficiário.

Calendário do 13° salário do Bolsa Família em Pernambuco

Final do NIS Nascidos em janeiro, fevereiro, março e abril Nascidos em maio, junho, julho e agosto Nascidos em setembro, outubro, novembro e dezembro
1 12 de fevereiro 18 de março 16 de abril
2 13 de fevereiro 19 de março 17 de abril
3 14 de fevereiro 20 de março 20 de abril
4 17 de fevereiro 23 de março 22 de abril
5 18 de fevereiro 24 de março 23 de abril
6 19 de fevereiro 25 de março 24 de abril
7 20 de fevereiro 26 de março 27 de abril
8 21 de fevereiro 27 de março 28 de abril
9 27 de fevereiro 30 de março 29 de abril
0 28 de fevereiro 31 de março 30 de abril
O programa Bolsa Família presta assistência financeira a famílias brasileiras em situação de vulnerabilidade. Com o intuito de garantir seu acesso à renda, a direitos sociais e a ações complementares que ampliam as possibilidades de desenvolvimento da família.

Ele atende a famílias em situação de extrema pobreza, com renda mensal de até R$ 85 por pessoa, e de pobreza, com renda mensal entre R$ 85,01 e R$ 170.

Para receber o benefício é preciso ter ganho por pessoa de até R$ 85 mensal. Ter gestantes, crianças ou adolescentes entre 0 e 17 anos, aumenta o grau de prioridade.

Um dos pontos mais importantes para o registro é estar inscrito no Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal. O valor repassado varia conforme o número de membros, idade e renda declarada. Atualmente o pagamento do Bolsa Família é de em média R$ 191 por inscrito.

Os interessados em fazer parte do programa devem procurar um Centro de Referência de Assistência Social (CRAS) ou um posto de atendimento do Bolsa Família no município.

Para realizar a candidatura, é necessário levar documentos de identificação pessoal, a exemplo da carteira de identidade ou carteira de motorista e certidão de nascimento de todas as pessoas que vivem na residência.

Vale lembrar que no Brasil o 13° salário não é um benefício fixo, a parcela extra foi paga em 2019, mas ainda não foi garantida para este ano. A liberação para os pernambucos faz parte de uma iniciativa do governo estadual.

MAIS LIDAS

×

Deixe as notícias mais recentes encontrarem você

Você pode ficar a par das melhores notícias financeiras e atualizado dos seus direitos com apenas uma coisa: o seu email!

REDAÇÃO
Cobertura e repercussão de assuntos que impactam o bolso de todos os brasileiros. A redação do FDR.com.br traz diariamente assuntos relevantes de uma forma descomplicada e confiável.
×

Este cartão de crédito sem anuidade está selecionando pessoas para receber possível limite agora!

VER AGORA