FGTS e 13° salário: dinheiro extra entra na conta sexta-feira (29)

Contas fartas para milhares de brasileiros neste fim de semana. A partir de amanhã (29), a Caixa Econômica Federal estará liberando o pagamento do saque-imediato do FGTS para os nascidos em agosto. No mesmo dia, também será autorizada a retirada da primeira parcela do 13º para os trabalhadores da rede privada. Ambos os saques prometem mover milhões na economia nacional.

FGTS e 13° salário: dinheiro extra entra na conta sexta-feira (29)
FGTS e 13° salário: dinheiro extra entra na conta sexta-feira (29)

Saque-imediato do FGTS

O pagamento do saque-imediato vem sendo realizado desde setembro. Segundo dados da Caixa Econômica Federal, o auxílio injetará cerca de R$ 40 bilhões na economia apenas esse ano.

A modalidade do FGTS é nova e foi fruto do governo de Jair Bolsonaro. Ela determina que os cadastrados no fundo de garantia possam receber até R$ 998 a depender o saldo de suas contas.

Leia também: Limite de R$998 do FGTS aprovado no Senado; quando posso sacar?

Os brasileiros que tiverem um saldo de um salário mínimo até junho deste ano poderão receber o valor total assim que o presidente sancionar a medida. Já aqueles com um valor acima, serão contemplados com R$ 500.

É válido ressaltar que o pagamento é feito por conta. Isso quer dizer que o mesmo trabalhador, tendo mais de uma conta, poderá receber o dobro do valor.

Seja em contas ativas (equivalente ao trabalho atual) ou contas inativas (serviços anteriores), será possível retirar o benefício. Diferentemente do saque de aniversário o saque-imediato não interfere nos demais valores do FGTS. Trata-se de uma “quantia extra” oferecida pelo governo.

Para poder retirar o dinheiro, é preciso ir até uma unidade da Caixa ou da Lotérica. Quem tiver conta poupança na Caixa recebe por meio do débito automático. Os titulares de conta-corrente precisam autorizar o débito e quem não tem registro na Caixa é só comparecer com a carteira de trabalho e demais documentação.

13º salário

Já o 13º, também liberado a partir de amanhã, é um benefício antigo no país. Trata-se de uma gratificação pelo ano trabalhado. Todos os brasileiros, de carteira assinada, têm o direito de receber o valor que varia de acordo com o tempo de serviço de cada um.

Nesse primeiro momento será pago 50% do benefício que não sofrerá descontos. A segunda parcela está prevista para sair até o dia 20 de dezembro é sofrerá reajustes por causa do imposto de renda e encargos do INSS.

Leia também: 13° salário e abono das férias: quem pode receber?

Segundo o ministério da economia, cerca de 81 milhões de brasileiros serão beneficiados nesse primeiro pagamento, inicialmente os atuantes da rede privada.

Espera-se uma injeção de R$ 214 bilhões na economia nacional mediante a efetivação dos pagamentos. O valor é creditado na conta que o trabalhador forneceu para a sua empresa, como acontece nos demais salários.

Você gostou deste conteúdo? AVALIE:

Avaliação média: 0
Total de Votos: 0

FGTS e 13° salário: dinheiro extra entra na conta sexta-feira (29)

×
Deixe as notícias mais recentes encontrarem você

Você pode ficar a par das melhores notícias financeiras e atualizado dos seus direitos com apenas uma coisa: o seu email!

Eduarda Andrade
Maria Eduarda Andrade é mestranda em ciências da linguagem na Universidade Católica de Pernambuco, formada em Jornalismo pela mesma instituição. Enquanto pesquisadora, atua na área de políticas públicas, economia criativa e linguística, com foco na Análise Crítica do Discurso. No mercado de trabalho, passou por veículo impresso, sendo repórter do Diario de Pernambuco, além de assessorar marcas nacionais como Devassa, Heineken, Algar Telecom e o Grupo Pão de Açúcar. Atualmente, dedica-se à redação do portal FDR.
×

Este cartão de crédito sem anuidade está selecionando pessoas para receber possível limite agora!

VER AGORA