Jovem Aprendiz Correios 2020: Inscrições para 4,5 mil vagas ABERTAS

Atenção jovens que estão em busca de uma oportunidade no mercado de trabalho. Estão abertas as inscrições Jovem Aprendiz Correios com cerca de 4,5 mil vagas espalhadas por todo o Brasil. Para participar do processo seletivo dos Correiros, os candidatos precisam ter idade entre 14 e 22 anos completos, e estar cursando o 6° ano do ensino fundamental. Se ainda não concluiu o ensino médio, é preciso estar matriculado e frequentando a escola.

Sobre o Programa

O jovem aprendiz é um projeto do governo federal que busca incentivar as empresas a desenvolverem vagas para jovens e adolescentes que têm entre 14 a 24 anos. O menor aprendiz irá receber pelo menos um salário mínimo e pode ficar inscrito por até dois anos no programa. O Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) aponta que 30% dos jovens entre 14 a 17 anos estão desempregados, e 25% de jovens entre 18 até 24 anos também não conseguem emprego.

O horário que o jovem aprendiz Correios vai trabalhar não pode atrapalhar os horários de aulas e nem o rendimento escolar. Esta é uma das regras para manter o funcionário contratado. Os jovens vão receber formação técnico-profissional nas áreas de assistente administrativo, ou assistente de logística nas modalidades de educação presencial ou à distância (EaD).

Os candidatos que conseguirem as vagas têm direito a um salário mínimo-hora, vale-transporte compartilhado, vale-refeição ou alimentação compartilhado em 5% e o uniforme dos Correios.

A jornada de aprendizagem é de 20 horas por semana, que serão distribuídas em 4 horas por dia. Com isso, os aprendizes selecionados terão no mínimo 800 horas ao longo de todo o programa. A duração do contrato é de 1 a 2 anos seguidos, e quem definirá esta duração é a administração pública.

Após todo o processo teórico de formação técnico-profissional, começará a fase prática que será realizada nas instalações dos Correios.

Inscrições Jovem Aprendiz Correios abrem 4,5 mil vagas
Inscrições Jovem Aprendiz Correios abrem 4,5 mil vagas (Foto: Google)

As funções do Jovem Aprendiz dos Correios são:

  • Transportar documentos entre as áreas internas;
  • Receber e expedir documentos;
  • Arquivar documentos;
  • Repor material de expediente;
  • Apoiar a realização de eventos (organizar ambientes e verificar equipamentos/materiais conforme o solicitado);
  • Manter arquivos ordenados e atualizados;
  • Executar serviços em meios eletrônicos, tais como elaborar planilhas, digitar expedientes e contatar, por mensagens eletrônicas, os clientes internos;
  • Realizar serviços reprográficos; utilizar multimídia e retroprojetor;
  • Realizar atendimento telefônico;
  • Auxiliar na entrega de senhas e organização de filas, fornecendo informações necessárias ou encaminhando os clientes conforme o serviço solicitado;
  • Prestar informações sobre os serviços e produtos dos Correios, cumprir as atividades previstas no curso de aprendizagem coordenado pela entidade qualificada em formação técnico-profissional.

Instruções de Inscrições

Se interessou pela novidade? Então para fazer sua inscrição Jovem Aprendiz Correios, acesse o site dos Correios até o dia 30 de abril. É gratuito.

A classificação do candidato levará em conta a renda familiar mensal, idade, escolaridade e participação em programas sociais.

Leia Mais: Coronavírus: trabalhadores infectados não precisam apresentar atestado em novo prazo

Leia Mais: Vagas abertas no Itaú: 200 oportunidades entre aprendiz, estagiário e mais!

Leia Também: VAGAS ABERTAS: Havan contrata jovem aprendiz, vendedor e mais

Você gostou deste conteúdo? AVALIE:

Avaliação média: 4.6
Total de Votos: 9

Jovem Aprendiz Correios 2020: Inscrições para 4,5 mil vagas ABERTAS

MAIS LIDAS

×

Deixe as notícias mais recentes encontrarem você

Você pode ficar a par das melhores notícias financeiras e atualizado dos seus direitos com apenas uma coisa: o seu email!

Paulo Amorim
Paulo Henrique Oliveira é formado em Jornalismo pela Universidade Mogi das Cruzes e em Rádio e TV pela Universidade Bandeirante de São Paulo. Atua como redator do portal FDR, onde já cumula vasta experiência e pesquisas, produzindo matérias sobre economia, finanças e investimentos.