Consórcio de imóvel: Como funciona?

Por causa do alto custo, o sonho da casa própria parece estar bem longe para muitos brasileiros. É por este motivo que tantas pessoas buscam o sistema de consórcio de imóvel. Mas você sabe como ele funciona? Veja os detalhes a seguir!

Consórcio de imóvel
Consórcio de imóvel

O que é um sistema de consórcio habitacional?

Este modelo de pagamento vem como opção para quem não pode assumir o valor de um imóvel ou terreno à vista e também não consegue arcar com um sistema de financiamento tradicional.

Para entender como funciona uma compra pelo consórcio de imóvel é só imaginar um grupo de pessoas que enfrenta a mesma situação: todas desejam uma casa própria, mas nenhuma tem o valor em mãos.

Em um determinado momento elas se juntam para contribuir, todo mês, com uma quantia que está ao seu alcance.

Todos pagarão valores iguais, o que no final do mês deve ser equivalente ao valor de uma casa. Para decidir quem fica com ela, será feito um sorteio com os colaboradores.

É importante lembrar que os contemplados com a moradia não sairão do sistema de pagamentos mensais, eles contribuirão até a última pessoa de seu grupo de consórcio conseguir o mesmo.

Leia também: Financiamento Caixa: Como financiar um imóvel? Simulação e Regras

Em resumo, o sistema de consórcio nada mais é do que uma poupança coletiva, onde todos os participantes têm o mesmo objetivo.

Como posso comprar uma casa por sistema de consórcio?

Os grupos que se juntam para formar a poupança coletiva são de responsabilidade de uma empresa administradora de consórcio de imóvel. Ela que divide os interessados a partir do valor que pode ser gasto por cada um.

No Brasil, instituições financeiras como a Caixa Econômica Federal, o Banco do Brasil e o Itaú oferecem este serviço.

As empresas também devem garantir, mensalmente, reunião dos membros em assembleia, para que aconteçam as contemplações e discussão de informações do interesse dos participantes.

Quais são os juros e taxas de um consórcio de imóvel?

Quem opta por um sistema de consórcio não precisa arcar com juros, umas vez que o dinheiro que é arrecadado todo mês serve para comprar casas à vista. Está também é um dos principais benefícios dos consórcios em relação aos sistemas de financiamentos ordinários.

Leia também: Financiamento Caixa: Como financiar um imóvel? Simulação e Regras

Mas isto não quer dizer que os consórcios não cobram taxas. Você ainda será responsável por:

  • Taxa de administração: remuneração da administradora pela gestão do consórcio;
  • Fundo comum: que configura no valor empregado na compra do imóvel;
  • Seguros: de vida e de quebra de garantia;
  • Fundo de reserva: para proteger todo o grupo de consórcio em casos de inadimplência de algum dos membros. Caso o valor não seja utilizado ele volta para os requerentes.

Inscrições em um sistema de consórcio de imóvel

A burocracia enfrentada por quem quer se inscrever em um sistema de consórcio é menor do que a dos financiamentos tradicionais.

A análise de crédito nessa modalidade tende a ser mais flexível com quem não consegue comprovar uma renda fixa, o que favorece os trabalhadores autônomos, por exemplo.

Leia também: FGTS na compra de imóvel: entenda como funciona!

Em alguns casos, também é possível aderir a um plano de consórcio mesmo com restrição de crédito. No entanto, a situação precisará estar regularizada para o recebimento da carta de crédito, o que exige um bom planejamento por parte do interessado.

Como dito antes, várias instituições financeiras permitem a compra pelo consórcio de imóveis. Na Caixa Econômica, por exemplo, para entrar neste sistema você precisará ter 18 anos completos e a certeza que pode arcar com a responsabilidade da compra de um imóvel. Após isso, uma simulação no site da Caixa deve ser feita.

Ela pode ser pelo valor da parcela, de no mínimo R$ 600,00 e no máximo de R$ 10.000,00, ou pelo valor total do crédito, que vai de R$ 70.000,00 e máximo de R$1.000.000,00

Para fechar o cadastro uma série de documentos deve ser enviados a empresa administradora, no site da Caixa estão todos listados. Confira a relação para pessoas físicas e para pessoas jurídicas.

Você gostou deste conteúdo? AVALIE:

Avaliação média: 0
Total de Votos: 0

Consórcio de imóvel: Como funciona?

MAIS LIDAS

×

Deixe as notícias mais recentes encontrarem você

Você pode ficar a par das melhores notícias financeiras e atualizado dos seus direitos com apenas uma coisa: o seu email!

Amanda Castro
Amanda Castro é graduada em Comunicação Social com habilitação em Jornalismo pela Universidade Católica de Pernambuco (UNICAP) e graduanda de Administração pela Secretaria de Educação e Esportes de Pernambuco (SEE). É responsável pela área de negócios, tráfego e otimização SEO do portal FDR. Além disso, atua como redatora do portal FDR e demais portais de notícias desde 2017, produzindo conteúdo sobre economia, finanças pessoais e programas sociais.