ANÚNCIO

Já ouviu falar que o sonho de todo brasileiro é ter a casa própria? Com serviços de financiamento Caixa, ele pode se tornar mais fácil de alcançar. Este tipo de subsídio é realizado por meio do banco, que garante quitar ao vendedor do imóvel a quantia que o comprador não consegue liquidar no momento. Após isso, os pagamentos devem ser feitos diretamente à instituição financeira que firmou o acordo uma vez ao mês.   

Financiamento Caixa
Financiamento Caixa

Conheça o financiamento Caixa para casas e apartamentos

A Caixa Econômica Federal, por exemplo, oferece o programa mais procurado por quem quer mudar ou adquirir sua primeira moradia. Saiba quais são as regras e como simular a compra através desta plataforma. 

ANÚNCIO

Para se cadastrar você deve: 

  • Ter mais de 18 anos ou ser emancipado com 16 anos completos; 
  • Ser brasileiro ou possuir visto permanente; 
  • Ter cadastro sem restrições junto aos órgãos de proteção ao crédito; 
  • Possuir capacidade civil e de pagamento. 

E o imóvel precisa: 

  • Estar localizado no mesmo município do seu trabalho, em municípios próximos ou integrantes da mesma região metropolitana; 
  • Estar fixado em um município onde você comprove residência há mais de um ano.

Para quais imóveis eu posso usar o financiamento Caixa?

Imóveis novos, usados, construções e habitação social são algumas das opções de financiamento oferecidas pelo banco. Conheça cada uma delas: 

Imóveis novos ou usados: Utilizando a linha de crédito habitacional da Caixa, você tem até 35 anos para pagar sua nova moradia. O Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) pode ser usado como parte do pagamento e a parcela do financiamento não deve passar de até 30% da sua renda familiar bruta.  

Leia também: Financiamento de veículos: Como funciona?

Terrenos: A instituição oferece algumas opções de financiamento para quem deseja um terreno. A primeira delas garante a compra do local, que deve contar com toda a infraestrutura, como vias de acesso, energia elétrica, saneamento básico, e a segunda contempla clientes que já possuem a escritura da terra, mas precisam de ajuda para construir a casa ou expandir a que já existe.  

Habitação Popular: Oferecido às famílias de baixa renda, este tipo de crédito garante a compra, construção, reforma ou melhora do imóvel localizado em área urbana ou rural. Famílias que recebem até 3 salários mínimos podem requisitar o uso de seu FGTS para aquisição da casa própria através da Operação Coletiva ou do Crédito Imobiliário Rural. O Crédito Fundiário e o Programa Crédito Solidário, que conta com recursos do Fundo de Desenvolvimento Social (FDS), também podem ser utilizados. 

Imóvel Comercial: Este financiamento é oferecido às empresas e ao setor de construção civil. Com ele os requerentes podem garantir seu escritório ou galpão, além de expandir ou reformar locais já existentes.  

Sentiu que se encaixa? Chegou a hora de fazer uma simulação no site da Caixa. Desta maneira você pode ter uma noção do valor que terá que pagar em prestações. Você precisará responder algumas perguntas como: Qual tipo de financiamento você deseja? Qual o valor aproximado do imóvel? Em qual cidade está localizado o imóvel?

Após o cadastro, o site da instituição lista alguns imóveis que já foram avaliados e que se encaixam no seu financiamento.  

Etapas do financiamento Caixa

Após escolher a casa ou o apartamento, você deve ir até uma agência da Caixa portando os seguintes documentos: 

  • Documento de Identidade; 
  • CPF; 
  • Comprovante de Estado Civil; 
  • Comprovante de Endereço; 
  • Renda; 
  • Declaração de Imposto de Renda; 
  • Extrato de FGTS; 
  • Carteira de Trabalho.  

A caixa terá um prazo de dois a cinco dias úteis após a entrega do cadastro para dar uma resposta sobre o financiamento. Caso aprovado, o banco informará o prazo e valor da entrada, das parcelas e dos juros da sua compra. 

Para que o acordo seja firmado, engenheiros devem avaliar o imóvel de interesse e a Caixa analisará a documentação dos vendedores.

Leia também: Cartão de Crédito Caixa: Saiba como Solicitar sem Burocracia

Isto demora até 15 dias. Uma dica para dar mais celeridade ao processo é dar preferência às moradias do Feirão Caixa, uma vez que elas já foram aprovadas em todos estes trâmites. 

Tudo certo? É a hora de assinar o contrato. Neste dia, os compradores e vendedores deverão comparecer a uma agência da Caixa.

Para que se torne legal, o requerente deve registrar o documento em um Cartório de Registro de Imóveis e pagar pelo Imposto de Transmissão de Bens Imóveis (ITBI), que corresponde a 2% do valor da moradia.  

Financiamento imobiliário reprovado, o que fazer?

Caso a tentativa para o financiamento tenha sido recusado, não se desespere. Você pode tentar novamente. O tempo de espera para a nova diligência irá depender do motivo pelo qual aconteceu a negativa.  

Exemplo: Se o financiamento foi negado porque o comprador tinha dívidas atrasadas, uma nova avaliação do financiamento pode ser requisitada após o pagamento destas. 

Formas de pagamento do financiamento Caixa

A casa própria pode ser conquistada através de dois métodos de pagamento, o Sistema de Amortização Constante – SAC, onde as parcelas diminuem de acordo com o tempo, e a Tabela Price, que possuem todas as prestações iguais. Através da simulação no site do banco, descubra qual é o melhor para você.

Carolina Ferraz é graduada em jornalismo pela Universidade Católica de Pernambuco (UNICAP). É redatora do portal FDR, produzindo pautas sobre economia popular e finanças diariamente.

ANÚNCIO