Governo Federal aumenta valor do benefício do BPC e Bolsa Família

Os inscritos no Benefício de Prestação Continuada (BPC) e Bolsa Família se surpreenderam com o anúncio do Governo Federal sobre o aumento do valor dos benefícios. O valor pode ultrapassar a quantia de R$ 2 mil reais mensais e pode transformar a realidade de muitas famílias.

CaptionGoverno Federal aumenta valor do benefício do BPC e Bolsa Família
Imagem: FDR

O Bolsa Família é um programa de transferência de renda, considerado essencial para cerca de 21 milhões de brasileiros, do Governo Federal. A iniciativa tem um valor mínimo de repasse de R$ 600, que pode ser aumentado dependendo das condições específicas da família.

O BPC é uma iniciativa concedida para pessoas em situação de vulnerabilidade socioeconômica, a pessoas com deficiência física, mental, intelectual ou sensorial, além de idosos com 65 anos ou mais que comprovem não ter condições de sustento próprio ou de suas famílias. O valor do benefício é de um salário mínimo (R$ 1.412).

Bolsa Família e BPC ao mesmo tempo?

Segundo a especialista Laura Alvarenga, os beneficiários do BPC podem receber o Bolsa Família, desde que a renda familiar por pessoa seja menor que a estabelecida pela Lei Orgânica de Assistência Social (LOAS) para o BPC.

Além disso, duas pessoas da mesma família podem receber o BPC ao mesmo tempo. Isso ocorre, pois o BPC não entra no cálculo da renda per capita familiar. Embora sejam benefícios diferentes, não há uma restrição que impeça o recebimento conjunto, desde que os requisitos sejam cumpridos.

  • Para receber o Bolsa Família, é necessário estar dentro dos critérios de renda estabelecidos pelo programa;
  • Para receber o BPC-LOAS, é preciso comprovar a vulnerabilidade socioeconômica e se enquadrar nos critérios de idade e deficiência;
  • Caso o beneficiário atenda a todos os requisitos, poderá receber ambos os benefícios simultaneamente.

Como solicitar os benefícios?

  • Para solicitar o Bolsa Família enquanto já recebe o BPC, é necessário estar inscrito no Cadastro Único;
  • Ela pode ser feita por meio do responsável pelo cadastro no CadÚnico;
  • Para solicitar o BPC já recebendo o Bolsa Família, o beneficiário deve procurar uma agência do INSS.

A junção dos dois possibilita que várias famílias alcancem uma quantia superior a R$ 2 mil por mês.

 

Entre na comunidade do FDR e receba informações gratuitas no seu Whatsapp!

Marina Costa SilveiraMarina Costa Silveira
Jornalista formada pela Universidade Católica de Pernambuco (UNICAP). Com experiência em redação, redes sociais e marketing digital. Atualmente, cursando o MBA em Marketing, Branding e Growth pela Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul (PUC-RS).