BPC pode passar por revisão que irá CANCELAR benefícios deixando brasileiros na mão

BPC pode passar por revisão que irá CANCELAR benefícios deixando brasileiros na mão

O Benefício de Prestação Continuada é voltado aos idosos e pessoas com deficiência. Um desses grupos passará por uma revisão do BPC que pode até mesmo gerar cancelamentos. Nos primeiros meses do ano o benefício causou um aumento de mais de 17% no orçamento público.

BPC pode passar por revisão que irá CANCELAR benefícios deixando brasileiros na mão (Imagem: FDR)

Mais de 5 milhões de pessoas recebem benefício assistenciais do INSS, entre eles o Benefício de Prestação Continuada. Mas, esse número pode ser reduzido em breve graças a uma revisão no BPC. Além disso, uma atualização cadastral também deve acontecer.

O BPC não é uma aposentadoria, por isso revisões são comuns e podem de fato gerar o cancelamento do benefício.

Revisão no BPC

  • Entre os meses de janeiro e abril desse ano houve um crescimento de 17,6% no BPC, por isso a revisão.
  • Com essa ação o governo pretende entender o porquê desse crescimento,
  • Afinal, esse aumento no número de beneficiários fez com que a previsão orçamentária aumentasse também em R$ 1,73 bilhão.
  • Para esse ano a previsão orçamentária de gasto com o BPC é de R$ 105,1 bilhões.
  • A previsão é de que a revisão atinja as pessoas com deficiência.
  • Nessa revisão será analisado, por exemplo, se a deficiência que gera incapacidade do cidadão permanece.

No vídeo abaixo o colunista do FDR, Ariel França, fala sobre um novo valor liberado para quem recebe o BPC, confira:

Fraudes no INSS

  • O tempo de concessão do benefício para pessoas com deficiência diminiu, passando de 190 para 110 dias.
  • Já para as pessoas idosas o tempo passou de 60 para 30 dias.
  • Acontece que essa redução também fez com que o benefício fosse aprovado para pessoas que não têm direito a ele.
  • Isso porque o número de fraudes cibernéticas aumentou, aponta técnicos do próprio INSS.
  • Com essa prática os criminosos acabam conseguindo a aprovação mais rápida e recebendo um benefício que deveria ser destinado à população em vulnerabilidade social.
  • No entanto, especialistas afirmam que o número de fraudes no BPC é baixo, em torno de 5% apenas, o mesmo percentual do Bolsa Família.
  • O BPC não deve ser o único benefício revisto, uma vez que o governo já criou um grupo de trabalho para a revisão dos benefícios pagos pelo INSS.

Segundo a especialista do FDR, Lila Cunha, uma nova fase de pagamentos do BPC foi iniciada.

 

Entre na comunidade do FDR e receba informações gratuitas no seu Whatsapp!

Jamille NovaesJamille Novaes
Baiana, formada em Letras Vernáculas pela UESB, pós-graduada em Gestão da Educação pela Uninassau. Apaixonada por produção textual, já trabalhou como corretora de redação, professora de língua portuguesa e literatura. Atualmente se dedica ao FDR e a sua segunda graduação.