Fim do saque-aniversário? Entenda proposta do governo e qual o substituto DISPONÍVEL

O governo federal estuda colocar um fim no saque-aniversário do FGTS e criar um substituto para ele. No entendimento dos governistas o Fundo de Garantia do Tempo de Serviço perdeu sua real finalidade. Confira a proposta que pode substituir esse saque.

Fim do saque-aniversário? Entenda proposta do governo e qual o substituto DISPONÍVEL (Imagem: FDR)

Aparentemente o fim do saque-aniversário está próximo e um substituto poderá ser criado para o substituir. Essa modalidade foi criada em 2020, durante a pandemia, para possibilitar a retirada anual de recursos do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço. Acontece que ela tem um grande problema.

Um possível encerramento dessa modalidade ainda é debatido e divide opiniões entre os brasileiros.

Fim do saque-aniversário

  • O governo federal vem sinalizando para um possível fim do saque-aniversário há alguns meses.
  • A grande questão é que, no entender do atual governo, o FGTS perdeu sua finalidade, que é servir como um auxílio ao trabalhador demitido sem justa causa.
  • Isso porque após a adesão, se o trabalhadorfor demitido dentro do prazo de 25 meses após a adesão, ele não poderá fazer o saque.
  • No último mês de abril a Comissão de Trabalho da Câmara dos Deputados debateu um possível fim para essa modalidade e o assunto também divide opinião entre o governo.

Substituto para o saque-aniversário

  • Como substituto o governo pretende criar um empréstimo consignado, que seria chamado de consignado social.
  • A ideia é oferecer uma modalidade parecida aquela disponível aos segurados do INSS, mas que ainda não é oferecida ao trabalhador com carteira assinada.
  • Nela o cidadão teria acesso a melhores condições de pagamento, incluindo taxas mais baixas.
  • Se tudo der certo, o empréstimo poderá ser contratado pelo FGTS Digital, novo sistema lançado neste ano.

A especialista do FDR, Laura Alvarenga, te apresenta o FGTS Digital, conheça as vantagens e desvantagens.

 

Entre na comunidade do FDR e receba informações gratuitas no seu Whatsapp!

Jamille NovaesJamille Novaes
Baiana, formada em Letras Vernáculas pela UESB, pós-graduada em Gestão da Educação pela Uninassau. Apaixonada por produção textual, já trabalhou como corretora de redação, professora de língua portuguesa e literatura. Atualmente se dedica ao FDR e a sua segunda graduação.