Divulgado a lista de estudantes SORTUDOS que não pagarão a taxa do Enem 2024

Resultado da justificativa de ausência e dos pedidos de isenção da taxa do Enem 2024 foi divulgado pelo INEP. Estudantes que não foram contemplados poderão entrar com recurso e tentar novamente. Participantes que tiverem a isenção terão se inscrever no exame; veja quando.

Divulgado a lista de estudantes SORTUDOS que não pagarão a taxa do Enem 2024 (Imagem: FDR)

O INEP divulgou na última segunda-feira, 13, o resultado dos pedidos de isenção da taxa do Enem 2024 e da justificativa de ausência no ano passado. Agora quem não teve o pedido aceito pode entrar com recurso. Caso seja negado novamente a participação será possível com o pagamento da taxa, que nesse ano continuem de R$ 85.

Isenção no Enem 2024

Segundo o INEP, instituto responsável pela aplicação das provas, a isenção é voltada aos seguintes grupos:

  • Quem está matriculado na 3ª série do ensino médio em eescola pública em 2024.
  • Quem fez todo o ensino médio em escola pública ou como bolsista integral em escola privada.
  • Pessoas em situação de vulnerabilidade socioeconômica por serem de família de baixa renda, inscritas no Cadastro (CadÚnico).

O resultado do pedido pode ser consultado na Página do Participante.

O que fazer se perder a isenção do Enem?

  • A primeira alternativa é entrar com recurso e tentar novamente conseguir i benefício.
  • O INEP recebe os recursos até a próxima sexta-feira, 17. Após isso o resultado deve ser divulgado no dia 24 de maio.
  • Se mesmo assim o estudante não conseguir a isenção, a única alternativa é pagar os R$ 85 da taxa de inscrição.
  • Vale lembrar que todos os estudantes, isentos ou não, terão que se inscrever para participarem do Enem 2024.
  • O prazo de inscrição nessa edição vai de 27 de maio a 7 de junho.
  • E as provas do Enem 2024 serão aplicadas nos dias 3 e 10 de novembro desse ano.

Neste ano o Exame Nacional do Ensino Médio terá uma importante mudança, confira.. Segundo a especialista do FDR, Lila Cunha, os estudantes da rede pública podem receber até R$ 9,2 mil, veja como.

 

Entre na comunidade do FDR e receba informações gratuitas no seu Whatsapp!

Jamille Novaes
Baiana, formada em Letras Vernáculas pela UESB, pós-graduada em Gestão da Educação pela Uninassau. Apaixonada por produção textual, já trabalhou como corretora de redação, professora de língua portuguesa e literatura. Atualmente se dedica ao FDR e a sua segunda graduação.