Pagamentos liberados para os atingidos pelas chuvas no Rio Grande do Sul; veja todos os autorizados

A partir desta segunda-feira, 13, as atingidos pelas chuvas no Rio Grande do Sul terão acesso aos novos pagamentos liberados. Antecipações e saques de até R$ 6,2 mil foram autorizados para ajudar os gaúchos. Veja mais detalhes.

Pagamentos liberados para os atingidos pelas chuvas no Rio Grande do Sul; veja todos os autorizados (Imagem: FDR)

Segundo as últimas informações 81.170 pessoas estão nos mais de 700 abrigos criados no RS. Para ajudar essas vítimas das chuvas no Rio Grande do Sul foram anunciados a antecipação de pagamentos e liberação de recursos. O presidente Lula anunciou o investimento de R$ 50,945 bilhões na economia do estado.

Benefícios liberados para o Rio Grande do Sul

Antecipação do abono salarial

A partir de hoje, 13, o abono salarial será antecipado para os 705.273 profissionais residentes no Rio Grande do Sul. O PIS/PASEP 2024 é pago aos servidores públicos e profissionais com carteira assinada que trabalharam em 2022 por pelo menos 30 dias.

Em geral o pagamento é feito a partir de um calendário que considera o mês de nascimento do trabalhador. Mas, para os gaúchos o saque poderá ser feito agora por todos os nascidos nos meses de junho, julho e agosto

Serão investidos R$ 758 milhões para a antecipação. A especialista do FDR, Lila Cunha, explica como fazer o saque, confira.

Antecipação da restituição do Imposto de Renda

O pagamento da restituição será iniciado no próximo dia 31 de maio. Mas, no Rio Grande do Sul o pagamento será antecipado para cerca de 1,6 milhão de contribuintes, a intenção é fazer a restituição em até 2 duas semanas para todos os moradores do RS. Será investido R$ 1 bilhão para a antecipação da restituição.

A Receita Federal também confirmou a prorrogação do prazo de entrega da Declaração do Imposto de Renda no estado. Com isso os contribuintes passam a ter até o dia 31 de agosto para fazerem a entrega sem sofrerem penalidades.

Para os contribuintes dos outros estados o prazo segue o mesmo, ou seja, até 31 de maio.  A Receita também prorrogou o prazo de pagamento dos tributos do Simples Nacional. Saiba mais sobre essa ação, clicando aqui.

Mais parcelas do seguro-desemprego

Os gaúchos que já estão recebendo o seguro-desemprego poderão sacar mais duas parcelas extras. A medida deve beneficiar 139.633 pessoas em diversas cidades do estado, através de um investimento adicional de R$497.800 milhões.

A média do valor das parcelas do seguro-desemprego no RS é de R$1.782,50. Confira alternativas para desempregados sacarem entre R$ 540 e R$ 1.412.

Saque calamidade

A primeira grande novidade é que o governo eliminou a regra que proibia o saque calamidade do FGTS para quem fez outra retirada nos últimos 12 meses. Essa ação é importante por que algumas cidades do estado já haviam passado por situações de calamidade pública em 2023.

Além disso, os recursos do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço devem ser liberados de forma mais rápida.

Cada trabalhador poderá sacar até R$ 6,2 mil, a solicitação pode ser feita pela internet, seguindo os passos abaixo:

A expectativa é de que o saque-calamidade seja aprovado de forma mais rápida para os moradores do Rio Grande do Sul. O governo também vai possibilitar que os empregadores suspendam o recolhimento do FGTS pelo período de 4 meses.

Pagamentos liberados para os atingidos pelas chuvas no Rio Grande do Sul; veja todos os autorizados (Imagem: FDR)

Antecipação do Bolsa Família

O Ministério do Desenvolvimento Social vai antecipar o pagamento do Bolsa Família e do Auxílio-Gás. Pelo calendário oficial os depósitos serão iniciados na próxima sexta-feira, 17, com isso os gaúchos beneficiados poderão sacar os valores já no primeiro dia do calendário.

O governo ainda prevê antecipar o pagamento do Benefício de Prestação Continuada (BPC).

Aqueles que perderam o cartão do Bolsa Família poderão fazer o saque do benefício com o documento de identificação com foto. Outra ação foi a prorrogação do prazo para atualização cadastral no programa.

Algumas mudanças serão feitas no Bolsa Família neste mês de maio, confira quais são elas.

 

Jamille NovaesJamille Novaes
Baiana, formada em Letras Vernáculas pela UESB, pós-graduada em Gestão da Educação pela Uninassau. Apaixonada por produção textual, já trabalhou como corretora de redação, professora de língua portuguesa e literatura. Atualmente se dedica ao FDR e a sua segunda graduação.
Sair da versão mobile