R$ 1 BILHÃO da restituição do Imposto de Renda já pode ser retirado; veja quem tem direito

A Receita Federal vai investir R$ 1 bilhão na antecipação de pagamentos da restituição do Imposto de Renda. Até junho pelo menos 1,6 milhões de declarantes serão beneficiados com o depósito. Pelo calendário normal os pagamentos vão até setembro, sendo um grupo contemplado por mês. 

restituição
R$ 1 BILHÃO da restituição do Imposto de Renda já pode ser retirado; veja quem tem direito
(Foto: FDR)

A restituição do Imposto de Renda começa a ser paga em 31 de maio, sempre no último dia útil do mês um novo lote é liberado. Nos primeiros dois lotes são contemplados majoritariamente aqueles com prioridade legal, e ao longo dos próximos pagamentos quem não tem prioridade vai se tornando a maioria. 

Quem vai receber a restituição do Imposto de Renda antecipada?

Com impacto de R$ 1 bilhão para a Receita Federal, serão beneficiados com a antecipação da restituição do Imposto de Renda para os meses de maio e junho:

  • Todos os moradores do estado do Rio Grande do Sul, independente da cidade onde mora. 

“A partir de 30 maio, em uma ou duas semanas, a previsão é pagar a restituição de todo mundo no Rio Grande do Sul, independente de ter sido afetado ou não”, afirmou o ministro da Fazenda, Fernando Haddad. 

O estado vive hoje a maior catástrofe natural da sua história. São mais de 100 mortes confirmadas, e mais de 900 mil pessoas afetadas com as fortes chuvas. 

Como consultar o pagamento da restituição do Imposto de Renda?

A prévia com o valor da restituição do Imposto de Renda é liberada assim que o contribuinte envia a declaração. O prazo ainda não terminou e vai até 31 de maio deste ano. 

A consulta para saber se foi contemplado com a restituição começa uma semana antes do pagamento. Eu listei o calendário com as datas de consulta e de depósitos nesta matéria.

  • Acesse o site da Receita Federal;
  • Clique na opção “Meu Imposto de Renda”;
  • Escolha “Consultar restituição”, e em seguida “Iniciar”;
  • Agora, informe o número do CPF, data de nascimento e o ano em que enviou a declaração;
  • Descubra se foi beneficiado.

 

 

Entre na comunidade do FDR e receba informações gratuitas no seu Whatsapp!

Lila Cunha
Autora é jornalista e atua na profissão desde 2013. Apaixonada pela área de comunicação e do universo audiovisual. Suas redes sociais são: @liilacunhaa, e-mail: lilacunha.fdr@gmail.com