FGTS libera saque máximo para trabalhador em caso de demissão

O FGTS (Fundo de Garantia do Tempo de Serviço), atua como uma reserva financeira para os trabalhadores, oferecendo suporte em momentos de instabilidade econômica ou demissão. Os empregadores são obrigados a depositar mensalmente 8% do salário de cada funcionário em suas contas da poupança trabalhista, sem que isso afete o salário direto do trabalhador.

FGTS libera saque máximo para trabalhador em casa de demissão. Imagem: FDR

Esses recursos acumulados através do FGTS podem ser utilizados em diversas situações, incluindo a compra de imóveis, tratamentos de saúde e em casos de demissão sem justa causa, proporcionando uma rede de segurança financeira.

O FGTS é uma garantia financeira para o trabalhador demitido sem justa causa, permitindo o saque total do saldo acumulado na conta, além de uma multa rescisória de 40%. Essa medida não apenas ajuda o trabalhador no momento da demissão, mas também serve como um apoio econômico durante a transição para um novo emprego.

O FGTS representa uma salvaguarda financeira para os trabalhadores, oferecendo suporte em momentos desafiadores da carreira. Suas políticas visam reduzir os impactos negativos e promover o bem-estar econômico dos indivíduos, reforçando o compromisso social do sistema trabalhista.

Em resumo, o saque por rescisão do FGTS concede ao trabalhador a oportunidade de resgatar o valor total depositado em conta. Abaixo você aprende a migrar a modalidade de saque, enquanto neste link, eu te apresento todas as opções de resgate.

Transição de saque do FGTS 

O fim do saque-aniversário do FGTS proposta pelo governo Lula exige uma transição simples. Para realizar o cancelamento, acesse o aplicativo FGTS e, em seguida, clique em “Saque-Aniversário”

Opte pela opção “Modalidade saque-rescisão” e confirme a mudança, ciente de que o saque-rescisão será efetivado somente após 25 meses. Conclua o processo clicando em “Sim”. Confira o passo a passo a seguir:

  1. Faça login no aplicativo FGTS e clique na opção “Saque-Aniversário” para começar o processo de cancelamento;

  2. Após abrir a tela da opção de Saque-Aniversário, clique em “Modalidade saque-rescisão”;

  3. O aplicativo vai solicitar a confirmação da mudança de modalidade, informando que o saque-rescisão só vai entrar em vigor após 25 meses, para confirmar clique na opção “Sim” na caixa;

  4. Pronto! Você conseguiu cancelar o Saque-Aniversário do FGTS. Você pode acompanhar o histórico pelo próprio aplicativo.

Entre na comunidade do FDR e receba informações gratuitas no seu Whatsapp!

Laura Alvarenga
Laura Alvarenga é graduada em Jornalismo pelo Centro Universitário do Triângulo em Uberlândia - MG. Iniciou a carreira na área de assessoria de comunicação, passou alguns anos trabalhando em pequenos jornais impressos locais e agora se empenha na carreira do jornalismo online através do portal FDR, onde pesquisa e produz conteúdo sobre economia, direitos sociais e finanças.