IDOSO recebe valor R$ 1.412 pelo INSS fora da APOSENTADORIA; saiba como

O INSS oferece um suporte financeiro valioso através do Benefício de Prestação Continuada (BPC), acessível não apenas a idosos aposentados, mas também a pessoas com deficiência permanente, independentemente da idade. Veja abaixo como esse benefício pode ser uma fonte de assistência financeira para aqueles que se enquadram nos requisitos.

Se você tem mais de 65 anos e não se enquadra nos critérios tradicionais de aposentadoria, o BPC pode ser uma opção viável. Além disso, se você possui uma deficiência física ou mental que o impede de trabalhar, e que possa ser confirmada por uma perícia médica do INSS, você pode ser receber o valor mensal.

É importante entender que sua renda familiar não pode ultrapassar 1/4 do salário mínimo por pessoa, atualmente equivalente a R$ 353. Além disso, estar cadastrado no Cadastro Único (CadÚnico) é outro requisito obrigatório. Este sistema centraliza informações de famílias de baixa renda para diversos programas sociais, incluindo o BPC e o Bolsa Família.

Como solicitar o BPC?

O processo para solicitar o BPC é simples, mas requer atenção aos detalhes.

  1. Inicialmente, inscreva-se no CadÚnico para obter o Número de Identificação Social (NIS). Essa numeração é importante para conseguir ter acesso aos programas sociais.
  2. Em seguida, acesse o site ou aplicativo Meu INSS, faça login e escolha a opção “Novo requerimento”.
  3. Selecione o Benefício de Prestação Continuada como categoria e preencha a ficha cadastral, anexando os documentos pedidos.

Após essa etapa, agende uma perícia médica na agência do INSS mais próxima para avaliação da incapacidade de trabalho, se necessário. O resultado do pedido será disponibilizado em até um dia útil. Você pode acompanhar o processo pelo próprio aplicativo ou site Meu INSS. Se preferir, ligue para a Central 135, informando o CPF do titular.

O BPC não apenas fornece suporte financeiro, mas também pode abrir portas para outros benefícios, como descontos em tarifas de energia elétrica e transporte público. Dessa forma, se você ou algum conhecido se enquadra nos critérios para receber o pagamento, não deixe de garantir o seu direito. Este benefício pode ser a chave para garantir o suporte financeiro necessário, mesmo fora do contexto tradicional de aposentadoria para idosos.

Ariel França
Jornalista especializado em Direito Administrativo, Gestão Pública e Administração Geral. Possui mais de uma década de experiência em produção de conteúdo para a internet.