Fim do vale-transporte para trabalhadores de SP? Entenda a polêmica

Liberado para os trabalhadores, o vale-transporte proporciona uma importante economia para quem precisa se deslocar diariamente para exercer sua profissão. No entanto, um aumento no custo do benefício colocou a concessão do vale em risco no Estado de São Paulo.

Fim do vale-transporte para trabalhadores de SP? Entenda a polêmica
Fim do vale-transporte para trabalhadores de SP? Entenda a polêmica.(Imagem: FDR)

A mudança poderá acontecer como consequência do aumento no preço das tarifas de metrô, trem e ônibus intermunicipais do Estado de São Paulo. Com o reajuste, as empresas passarão a ter que custear 7% do aumento para conseguir garantir a concessão dos benefícios aos funcionários.

Entenda a polêmica sobre o vale-transporte em São Paulo:

  • Segundo um levantamento realizado pelas empresas, a manutenção da concessão do benefício trará um impacto significativo para as organizações;
  • O custo extra com passagens de metrô, trem e ônibus intermunicipais deverá ser de R$ 15 milhões;
  • Em São Paulo, o custo da tarifa de trem subiu de R$ 4,40 para R$ 5;
  • Já nos ônibus intermunicipais, esse valor saiu de R$ 7,65 para R$ 8,20;
  • Atualmente, o vale-transporte deve ser calculado com base no salário do trabalhador e não na tarifa cobrada pelo serviço;
  • Dessa forma, o desconto possui um limite de 6% sobre a remuneração mensal;
  • Já o restante do valor precisa ser custeado integralmente pelo empregador;
  • Com isso, o reajuste nas tarifas aumenta o custo para as empresas;
  • Por conta da restrição orçamentária, as empresas tem avaliado novas contratações;
  • Como é um direito do trabalhador, o vale-transporte precisa ser pago;
  • Para diminuir os gastos, as empresas tem dado preferência para candidatos que residem próximo ao local de trabalho;
  • A medida tem impactado diretamente o mercado de trabalho no estado;
  • Com a restrição, os profissionais tem apontado maior dificuldade para conseguir vagas formais de emprego;
  • Por enquanto, não há previsão de novo reajuste nas tarifas.

Confira mais detalhes sobre os direitos do trabalhador neste link.

Danielle Santana
Jornalista formada pela Universidade Católica de Pernambuco, já atuou como repórter no Jornal do Commercio, Diario de Pernambuco e Folha de Pernambuco. Nos locais, acumulou experiência nas editorias de economia, cotidiano e redes sociais. Possuí experiência ainda como assessora de imprensa.